Data: 06/05/2022 14:34 / Autor: Redação / Fonte: Sesc São Caetano

Sesc São Caetano agita as sextas culturais com Projeto “Cena Aberta”

Programação atende os diferentes públicos, com venda de ingressos pela rede Sesc SP


Minhas queridas
Minhas queridas

Crédito: Divulgação

Espetáculos artísticos, programação aberta à diversidade técnica e estética das diversas linguagens artísticas, essa é a proposta do projeto “Cena Aberta”, apresentado pelo Sesc São Caetano as sextas 13, 20 e 27 de maio a partir das 20h, nesse mês um espetáculo teatral e duas apresentações musicais fazem parte da programação que atende os diferentes públicos, com venda de ingressos pela rede Sesc SP.

Com direção de Stella Tobar e atuação de Marilene Grama e Simone Evaristo, dia 13 o palco do Sesc São Caetano recebe o espetáculo “Minhas Queridas” que conta como Clarice Lispector viveu 15 anos em trânsito por diversos países, acompanhando o marido em missão diplomática. Durante esse tempo, escreveu sempre às irmãs, Elisa e Tânia, por quem nutria um amor incondicional. São correspondências íntimas que revelam o percurso interior dessa experiência. O recorte proposto nessa montagem mostra a relação com seu trabalho como escritora, mas sobretudo o que esses anos no estrangeiro como "esposa de diplomata" lhe causaram na alma. Espetáculo não recomendado para menores de 14 anos

Dia 20, Saulo Schwartzmann desvendará o “Segredo”, show composto com canções de seu álbum homônimo de estreia. Além do repertório do disco, Saulo apresentará canções inéditas. O álbum de estreia foi produzido pelo cantor e compositor Wado e lançado em 2021. Com letras minimalistas e singelas, que funcionam como frames de um longa-metragem ou de um retrato de polaroid, trata de temas como o amor, a saudade e o tempo, conseguindo criar, como simples gatilho, toda uma história por trás da figuratividade dos temas. É possível observar mais os implícitos, as metáforas e o minimalismo mais singelos dos flashs do cotidiano.

A última apresentação do projeto Cena Aberta dia 27, integra o projeto “Diversos 22” em comemoração ao centenário da Semana de Arte Moderna de 1922 e contará com o bate-papo “Modernismo e a formação: presenças e ausências do popular” com a escritora afro-indígena Helena Silvestre e a pesquisadora Gênese Andrade, com mediação de Maurício Trindade, que a partir das 19h, abordarão os pontos e contrapontos das ideias de formação da nação brasileira. E quem fecha a noite as 20h é a banda experimental de pífanos e percussão “Epifolias” que, além do repertório tradicional, percorre outras veredas musicais. Baião, marcha, arrasta-pé, samba matuto e bendito, mas também frevos pernambucanos, trilha de faroeste, música klezmer, merengues do Haiti, música cigana da Macedônia, música clássica (Beethoven e Villa-Lobos) e outros temas próprios.

SERVIÇO:

Sesc São Caetano

Dias 13, 20, 27 de maio

Rua Piauí -554 Santa Paula – São Caetano do Sul

Duração: 90 minutos

Recomendação etária: Não recomendado a menores de 12 anos

Ingressos: $30 inteira / $15 meia entrada / $9 comerciário – Vendas Rede Sesc

Telefone para informações: (11) 4223-8800

Para informações sobre outras programações acesse o portal sescsp.org.br

Horário de atendimento/bilheteria do Sesc São Caetano – De segunda a sexta, 11:00 às 20:00, sábados e feriados, das 9h às 17h30

Comente aqui