Data: 19/04/2013 14:40 / Autor: Alexandre Costa / Fonte: PMSCS

Secretaria Municipal de Educação integra pais e alunos

Projeto Escola de Pais busca participação das famílias na Educação de São Caetano


Secretário de Educação, Daniel Belucci Contro, pediu apoio das famílias às escolas
Secretário de Educação, Daniel Belucci Contro, pediu apoio das famílias às escolas

Crédito: Eric Romero/PMSCS

A importância da participação familiar na vida escolar das crianças motivou a criação, pela Secretaria Municipal de Educação da Prefeitura de São Caetano do Sul, do projeto Escola de Pais. Na noite desta quinta-feira (18/4) foi realizada a primeira reunião da nova iniciativa, na Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Oswaldo Samuel Massei, no Bairro Oswaldo Cruz, com o intuito de estimular uma participação mais efetiva das famílias no processo educacional e no dia-a-dia das escolas do município, sempre visando um melhor desempenho acadêmico para os estudantes.

Os pais de alunos da EMEF Oswaldo Samuel Massei foram convidados a participar do encontro e conheceram as propostas da Secretaria Municipal da Educação para a construção de um novo paradigma no ensino de São Caetano. A vice-prefeita Lucia Dal’Mas abriu a reunião solicitando que os pais presentes compartilhassem as sugestões do projeto Escola de Pais com aqueles que se ausentaram. “Esta ação marca o começo de uma nova caminhada para o ensino de São Caetano. Este é um desejo do prefeito Paulo Pinheiro e da Secretaria de Educação”, explicou.

O secretário municipal de Educação de São Caetano, Daniel Belucci Contro, iniciou o diálogo com os pais citando estudos que mostram a relação direta entre a participação das famílias na vida escolar dos filhos e o desempenho dos estudantes. “Algumas pesquisas sérias mostram que até um terço do aprendizado dos jovens depende da relação dos pais com a escola. A força de um ambiente familiar que apoia a escola pode catapultar e muito a vida escolar das crianças”, destacou.

Daniel Contro informou aos pais que a intenção da Secretaria de Educação de São Caetano é aumentar as exigências aos estudantes da cidade, cobrando mais empenho nos estudos. “Nós queremos que nossos meninos e meninas alcancem o melhor de si mesmos, com muito esforço e dedicação aos estudos. E isso não será possível sem o apoio dos pais, das famílias destas crianças. Não tem outro jeito: ninguém vai conseguir o máximo exigindo o mínimo, e as escolas brasileiras estão exigindo o mínimo dos estudantes.”

Entre as medidas práticas que serão adotadas em São Caetano está o aumento do volume das tarefas que as crianças terão de fazer em casa – a proposta da Secretaria de Educação é dobrar este volume, até que os estudantes cheguem a uma média de duas horas de estudo em casa diariamente. “Eu peço que os pais não se coloquem contra isso. O que queremos para nossa cidade é que tenhamos escolas que incutam nas crianças a cultura da perseverança, da disciplina, do esforço, do empenho e do respeito aos educadores. Ninguém nasce com estas qualidades, isso precisa ser estimulado”, avaliou o secretário de Educação.

A Secretaria Municipal de Educação vai distribuir nas escolas um folheto com mais de 60 dicas práticas aos pais, divididas em temas como: converse com o seu filho; valorize a escrita; acompanhe a lição de casa; incentive seu filho a ler; valorize o professor; visite a escola de seu filho; entenda como a escola funciona; e fique de olho no aprendizado.

Exemplo – Para Daniel Contro, as famílias brasileiras devem se espelhar no exemplo de pais orientais, que têm a cultura de cobrar e estimular a vida escolar dos filhos. “Um dado interessante mostra que apenas 2% das famílias paulistas têm ascendência oriental, mas 13% das vagas na USP são preenchidas por descendentes de orientais. Isso significa que os estudantes de ascendência oriental têm um desempenho 6,5 vezes melhor que as outras no vestibular mais disputado do País.”

 “Nas escolas de São Caetano queremos implantar a cultura da dedicação aos estudos, a cultura do fazer bem feito. E nós precisamos dos pais e da sociedade apoiando esse esforço, apoiando as nossas escolas. Não apoiando nossos erros, mas sim a escola que cobra dedicação de seus filhos”, afirmou, ressaltando que a Secretaria de Educação está aberta às críticas e sugestões dos pais. A Secretaria está localizada na Rua Alegre, 497, no Bairro Barcelona. O telefone de contato é 4232-7199.

Prefeitura de São Caetano iniciou o projeto Escola de Pais
Prefeitura de São Caetano iniciou o projeto Escola de Pais

Crédito: Eric Romero/PMSCS

Comente aqui