Data: 22/11/2019 10:42 - Alterado em: 25/11/2019 12:02 / Autor: Mark Ribeiro / Fonte: PMSCS

São Caetano realiza Mutirão de Mamografia e Ultrassonografia para pacientes agendados

A Prefeitura de São Caetano do Sul realizou sábado (23/11) o Mutirão de Mamografia e Ultrassonografia, no Hospital Municipal Maria Braido


Mutirão de Mamografia e Ultrassonografia
Mutirão de Mamografia e Ultrassonografia

Crédito: Junior Camargo / PMSCS

Haviam sido agendados de forma antecipada pela Central de Agendamento da Secretaria de Saúde 300 pacientes, sendo 250 ultrassonografias e 50 mamografias. Entretanto foram realizadas 168 ultrassonografias e 38 mamografias, representando 33% de absenteísmo (ausência) na agenda da ultrassonografia e 24% na mamografia.

A estratégia da Secretaria de Saúde é a de realizar mutirões de especialidades periodicamente, reduzindo consideravelmente a fila de espera pelos atendimentos, o que acaba por zerar a demanda em algumas especialidades. “A realização destes mutirões é uma ferramenta de tratamento das mais eficazes, já que a ampliação do atendimento reduz a espera dos pacientes e isso, sem dúvida leva respeito, carinho e atenção aos pacientes”, comentou o prefeito José Auricchio Júnior.

Apesar do absenteísmo apresentado em ambas as especialidades do mutirão, a secretária municipal de Saúde, Regina Maura Zetone, acredita que o resultado tenha sido amplamente satisfatório. “Sabemos que a questão do absenteísmo não é um problema municipal, pois ele extrapola territórios, segundo algumas pesquisas nacionais e internacionais. Apesar disso, acreditamos que tenha sido altamente satisfatória a presença dos pacientes e continuaremos com este método de mutirões, com o intuito de minimizarmos o índice de espera em todas as modalidades”, concluiu.

Um estudo descritivo realizado com base na relação entre consultas agendadas e consultas não efetuadas por não comparecimento dos pacientes, no período de 2011 a 2015, nas unidades de saúde da administração direta e Organizações Sociais da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, considera 25% de absenteísmo como percentual de normalidade. No entanto, é fundamental que os pacientes compareçam aos procedimentos agendados, visando a eficiência do atendimento e a otimização dos recursos públicos.

Até agora, em 2019, foram realizados oito mutirões: endoscopia, oftalmologia (2 vezes), cirurgias de pele (2 vezes), catarata, dermatologia, mamografia e ultrassonografia, com 1.294 pessoas atendidas.

Comente aqui