Data: 22/03/2022 11:39 / Autor: Mark Ribeiro / Fonte: PMSCS

São Caetano realiza mutirão de cirurgias contra o câncer de mama

Ao todo serão 10 procedimentos até quarta-feira (23/3)


São Caetano realiza mutirão de cirurgias contra o câncer de mama
São Caetano realiza mutirão de cirurgias contra o câncer de mama

Crédito: Eric Romero / PMSCS

A Prefeitura de São Caetano do Sul e a disciplina de Mastologia do Centro Universitário da FMABC (Faculdade de Medicina do ABC) dão sequência nesta semana ao mutirão de cirurgias contra o câncer de mama. Ao todo serão 10 procedimentos até quarta-feira (23/3), contabilizando os já realizados no dia 2 de março. Os atendimentos ocorrem no Centro Cirúrgico do Hospital Municipal Maria Braido.

O objetivo é atender à demanda crescente de casos diagnosticados na cidade, realidade enfrentada em todo o País em função da falta de acompanhamento de rotina durante a pandemia.

De acordo com o professor de Mastologia da FMABC e responsável pelo mutirão, Dr. Paulo Roberto Pirozzi, algumas pacientes chegam ao consultório com a última mamografia feita no final de 2018 ou em 2019.

“Estamos enfrentando uma situação preocupante de aumento de diagnósticos de câncer de mama. Infelizmente, muitas pacientes deixaram de realizar a mamografia nos últimos anos, especialmente em 2020 e 2021, e agora temos observado um aumento substancial do número de casos positivos e que necessitam de cirurgia”, informa o médico.

Ao todo são 10 médicos mastologistas envolvidos no mutirão, sem contar as equipes de anestesia, enfermagem e de apoio. Entre os procedimentos agendados estão cirurgias conservadoras com e sem necessidade de reconstrução mamária, assim como mastectomias e procedimentos com reconstrução imediata e prótese de silicone.

REFERÊNCIA

São Caetano é pioneira no campo da prevenção e tratamento do câncer de mama, contando com unidade modelo exclusiva para essa finalidade. Parceria entre a Secretaria Municipal de Saúde e a disciplina de Mastologia da FMABC, o Ambulatório de Alta Resolutividade contra o Câncer de Mama abriu as portas em março de 2017 e é referência para consultas, exames, cirurgias e tratamentos especializados.

Considerado um dos mais eficientes serviços do País, o local realizava até 2019 média de 6 cirurgias de câncer de mama por mês, com apenas 20 dias entre o diagnóstico da doença e a realização do procedimento cirúrgico. Neste ano, a equipe já está fazendo 12 cirurgias por mês – ou seja, o dobro. Mesmo assim, a realização de um mutirão foi avaliada como necessária diante do aumento de casos.

PREVENÇÃO

Todas as pacientes que estiverem com exames ou acompanhamento de rotina em atraso devem procurar a UBS (Unidade Básica de Saúde) mais próxima da residência para receber as orientações necessárias e iniciar o quanto antes as ações preventivas.

A detecção precoce faz com que até 95% dos casos de câncer de mama tenham possibilidade de cura. E uma atitude simples, uma vez ao mês, pode contribuir muito para isso: o autoexame da mama.

Todas as mulheres após os 20 anos, com caso de câncer na família, ou com mais de 40 anos, sem caso de câncer na família, devem realizar o autoexame. Caso perceba alterações de tamanho, forma e cor das mamas, além de inchaços ou saliências, a moradora deve procurar a UBS mais próxima de sua residência.

A Prefeitura investe na prevenção e detecção precoce do câncer de mama também com o mamógrafo digital do Complexo Hospitalar de Clínicas. É o que há de mais moderno na área. Permite a realização de biópsias e agulhamento no próprio equipamento. Além disso, é totalmente acessível (inclusive para cadeirantes), com altura e ângulo de rotação ajustáveis. Imagem de alta definição, capacidade de realizar um exame a cada 5 minutos e baixa radiação, o que resulta em mais precisão, conforto, agilidade e saúde para as mulheres.

Comente aqui