Data: 07/08/2020 17:47 / Autor: Suzel Tunes / Fonte: PMSCS

São Caetano mantém aulas de idiomas à distância durante a pandemia


Lucas- aluno do Celef
Lucas- aluno do Celef

Crédito: Arquivo Pessoal

Além da boa estrutura das escolas e da capacitação de seus educadores também compõe o diferencial da Educação municipal de São Caetano do Sul a oferta de atividades que enriquecem o currículo regular, como o ensino gratuito de idiomas. Por isso, após consolidar a estrutura para a oferta de aulas remotas aos alunos da rede, a Prefeitura tem se empenhado em manter o diferencial das aulas gratuitas de idiomas por meio da internet. 

A assistente social Geise Lima, 48 anos, e o filho Lucas, 13, moradores do Bairro Boa Vista, acompanham as aulas remotas oferecidas pela Escola Municipal de Idiomas e pelo Celef, respectivamente. Recém-formada, Geise começou a trabalhar em sua área recentemente e está cursando Português. “Em meu trabalho, faço relatórios frequentemente. Senti a necessidade de escrever melhor para me aprimorar”, disse Geise. O Lucas, que está no 8º ano do Ensino Fundamental, estuda inglês no Celef e também não perde uma aula. “Ele já tem maturidade para entender a importância de estudar. Quanto mais eu sei, mais eu sou. É o que eu sempre digo a ele.” 

Para dar suporte ao filho, Geise procura acompanhá-lo nas tarefas e, sempre que há dúvida, busca ajuda dos professores. “Veja que os professores estão se esforçando para se adaptar. Todos estamos aprendendo neste momento”, disse ela, na condição de mãe e aluna. 

Veja, a seguir, como estão sendo oferecidas as aulas de idiomas a distância: 

CELEF

O Celef (Centro de Estudos de Línguas do Ensino Fundamental), que se destina a alunos matriculados na Rede Municipal de Ensino, oferece atividades online desde junho. “Para acessá-las, basta entrar na plataforma Educação Conectada (gg.gg/scseduca) e clicar na sala Celef”, orienta a diretora Elizabeth Tagliatella Orfão. 

Os alunos recebem atividades baseadas em vídeos e músicas, por meio da ferramenta Google Classroom. Será criado, também, um plantão de dúvidas online, por meio da ferramenta de videochamada Meet. Quem precisar, também pode entrar em contato pelo email celef@scseduca.com.br

Segundo a diretora, cerca de 60% dos mais de 3 mil alunos inscritos no Celef aderiram às atividades online. Sua equipe mapeia os motivos dos alunos que ainda não participam. “Algumas mães relatam que não conseguem dar conta de acompanhar as tarefas regulares da escola e mais as aulas extras de idiomas”, afirma Elizabeth, que enfatiza, porém, a importância de seguir com o aprendizado: “Saber um segundo idioma é fundamental para a vida acadêmica e profissional; vale a pena o esforço!”

A diretora do Celef destaca que a escola está à disposição para tirar dúvidas e dar o apoio aos alunos que tiverem dificuldade de acompanhar as tarefas em casa. Mas tranquiliza: “Quem não conseguir acessar as atividades online não perderá a sua matrícula.” 

Aos pais que adquiriram livros do curso, mas ainda não os retiraram, ela informa que a escola está aberta, em regime de plantão, às segundas, quartas e sextas-feiras, das 10h às 16h. “Os alunos que ainda não adquiriram o livro não serão prejudicados, uma vez que estamos oferecendo as atividades online.” 

PAULO SÉRGIO FIOROTTI

Na Escola Municipal de Idiomas Paulo Sérgio Fiorotti, aberta a munícipes em geral, atividades online são oferecidas, desde abril, pela página da escola no Facebook (https://www.facebook.com/paulosergio.fiorotti.3), com acompanhamento dos professores pelo Whatsapp.   

A partir desta semana, a escola passou a oferecer encontros virtuais, pelo Meet, e atividades por meio da plataforma Google Sala de Aula, onde há espaços online para as 207 turmas que reúnem quase 4 mil alunos nos cursos gratuitos de Inglês, Alemão, Espanhol, Francês, Italiano e Português. 

A diretora, Romana Gesuele, explica que para entrar na sala de aula, o aluno precisa acessar a plataforma gg.gg/scseducaidiomas e digitar nome completo e data de nascimento. Ao fazer essa operação, ele receberá um email Google e uma senha para acessar as aulas.   

Caso alguém tenha problema ou dúvida a respeito do procedimento pode entrar em contato diretamente com o professor (pelo Whatsapp) ou com a escola pelo telefone 4233-7673. A escola faz plantões de atendimentos às segundas, quartas e sextas-feiras, das 10h às 16h. 

CENTROS DA TERCEIRA IDADE

A Escola Municipal de Idiomas também ministra aulas, gratuitamente, aos frequentadores dos CISEs (Centros Integrados de Saúde e Educação) da Terceira Idade. Para facilitar e simplificar o acesso dos alunos, a forma escolhida para a realização de atividades foi o Whatsapp, uma vez que os alunos já se comunicavam com o professor por meio desse canal, mesmo antes da pandemia. 

A professora Romana Gesuele esclarece que todos os alunos, mesmo os que não conseguem realizar as tarefas propostas de forma remota, têm a sua vaga garantida. Mas faz um convite à perseverança: “Para todas as idades, o estudo de idiomas é uma porta que se abre, seja para os estudos, para a vida profissional ou para a realização pessoal. Vivemos tempos conturbados e difíceis, mas estamos nos esforçando ao máximo para atender nosso alunado com competência e esmero. E estamos à disposição para ajudar”.

Geise - aluna do Paulo Sérgio Fiorotti
Geise - aluna do Paulo Sérgio Fiorotti

Crédito: Arquivo Pessoal

Comente aqui