Data: 10/06/2022 17:03 / Autor: Gisele Lopes / Fonte: PMSCS

São Caetano alerta para importância da vacinação no combate a diversas doenças

Atualmente, a rede pública de saúde disponibiliza em todo o País 19 vacinas para combater cerca de 20 doenças


Prefeitura de São Caetano alerta para importância da vacinação no combate a diversas doenças
Prefeitura de São Caetano alerta para importância da vacinação no combate a diversas doenças

Crédito: Letícia Teixeira/PMSCS

Em 2021, com a descoberta das vacinas contra covid-19 e início das imunizações, ficou ainda mais clara a importância da vacinação na prevenção de doenças. São Caetano do Sul atingiu praticamente 100% da população vacinada com 1ª e 2ª doses contra o coronavírus, mas observa que muitos idosos acima de 60 anos ainda não completaram o ciclo de doses adicionais. 

E não é apenas de vacinas contra a covid-19 que as pessoas devem se preocupar. O Ministério da Saúde prorrogou a campanha de vacinação contra Influenza e Sarampo até o dia 24 de junho para a população que faz parte do público-alvo da campanha. 

“A vacinação é a forma mais eficaz de prevenir a gripe e proteger as pessoas com maior risco de desenvolver complicações. Estamos enfrentando as estações mais frias do ano (outono/inverno) e a vacina evita casos graves e óbitos”, explica a secretária de Saúde, Regina Maura Zetone. 

A cidade atingiu 50,7% do público alvo (77.961) vacinado contra a gripe. Idosos com 60 anos ou mais foram os que mais se vacinaram (66,2%), seguido dos trabalhadores da saúde (58,5). 

Já entre os grupos que menos procuraram a vacinação contra influenza estão pessoas com deficiência (0,8%) e pessoas com comorbidades (22,1%). 

Outras vacinas

A vacinação não deve ser lembrada apenas durante as campanhas. A carteirinha de vacinação deve estar sempre em dia. “O calendário básico de vacinação tem início logo após o nascimento, e segue, aproximadamente, até os seis anos de idade. A partir, daí, a Sociedade Brasileira de Imunizações recomenda um calendário de vacinação que incluam novas vacinas e alguns reforços a cada 10 anos. Desta forma, temos vacinas para serem atualizadas durante a vida adulta também”, explica a coordenadora de imunização, Sabrina Pinesi. 

Existem vários imunizantes que são obrigatórios em diferentes fases da vida. Na infância, por exemplo, é necessária contra a poliomielite, tuberculose, difteria, tétano, coqueluche, meningite, sarampo, rubéola, caxumba, hepatite B e febre amarela. 

Atualmente, a rede pública de saúde disponibiliza em todo o País 19 vacinas para combater cerca de 20 doenças, em diversas faixas etárias. 

Saiba onde e como se vacinar: 

Covid-19

1ª e 2ª doses na USCA

Segunda a sexta-feira, das 8h às 19h e, aos sábados, das 8h às 11h30 agendamento pelo https://portais.saocaetanodosul.sp.gov.br/sesaud-agendamentos 

3ª dose para 18 anos ou mais e 4ª dose 60 anos ou mais Livre demanda em qualquer UBS. 

4ª dose 50 a 59 anos - drive thru da Garagem Municipal Agendamento pelo https://portais.saocaetanodosul.sp.gov.br/sesaud-agendamentos 

3ª dose 12 a 17 anos - nas UBSs

Agendamento pelo https://portais.saocaetanodosul.sp.gov.br/sesaud-agendamentos 

Sarampo e influenza

Somente para público-alvo da campanha

Em todas as UBSs e USCA 

Vacinas do calendário nacional

Todas as UBSs e USCA

Comente aqui