Data: 22/04/2013 19:07 / Autor: Mark Ribeiro / Fonte: PMSCS

Marcos Goto atesta reestruturação da ginástica artística de São Caetano

Técnico de Arthur Zanetti, concedeu entrevista coletiva na tarde de segunda-feira (22/4)


Marcos Goto elogiou o esforço da administração municipal em reestruturar a ginástica artística
Marcos Goto elogiou o esforço da administração municipal em reestruturar a ginástica artística

Crédito: Robson de Almeida/PMSCS

Técnico de Arthur Zanetti, campeão olímpico nas argolas nos Jogos de Londres, em 2012, Marcos Suzarte Goto atestou a reestruturação da ginástica artística promovida em São Caetano do Sul. Desde janeiro, a Prefeitura pagou salários atrasados de ginastas, iniciou projeto de reforma do SERC Santa Maria, local de treinamento da modalidade, e viabilizou a aquisição de 22 aparelhos junto ao Comitê Olímpico Brasileiro (COB).

“As condições estruturais do esporte olímpico do País não são as ideais, mas em São Caetano estão melhorando paulatinamente. Nosso ginásio está entre os três melhores do Brasil para o desenvolvimento da ginástica”, afirmou Marcos Goto. O técnico de Arthur Zanetti, da Seleção Brasileira e da equipe de São Caetano concedeu entrevista coletiva na tarde de segunda-feira (22/4).

O secretário municipal de Esporte e Turismo, Gilmar Tadeu Ribeiro Alves, ressaltou o compromisso da administração em elevar a ginástica. “Um dos meus primeiros atos como secretário foi visitar o local de treinamento e ver que lá não tinha a melhor ventilação. Era pleno janeiro e atletas estavam suados antes do treino”, recordou. “Agora já iniciamos o projeto de reforma, conseguimos um novo tablado e equipamentos. Com este esforço melhoramos as condições de treinamentos dos atletas de alto rendimento e de 300 crianças da base.”

Além das conquistas já concretizadas, a Secretaria de Esporte e Turismo avançou na relação com o governo federal para a construção de um centro de excelência de ginástica artística. Técnicos do Ministério do Esporte visitaram São Caetano três vezes desde o início do ano para viabilizar o projeto, que está na fase de discussão conceitual. “Será um ginásio de nível internacional, com tudo o que a ginástica precisa e seguramente o melhor do País”, elogiou Marcos Goto, que participa do processo de implantação.

Gilmar Tadeu afirmou que o atual ginásio de São Caetano é o único próprio público inserido entre os melhores da ginástica brasileira, mas salientou, porém, o compromisso da Prefeitura por mais investimentos. “Estamos em momento oportuno pela proximidade das Olimpíadas de 2016, no Rio de Janeiro. Com o centro de excelência poderemos até receber ginastas estrangeiros para aclimatação.”

Valorização – A atual administração de São Caetano do Sul deixa evidencia a valorização da ginástica artística também em números. Em 2012 foram empregados R$ 522 mil na modalidade, enquanto que o valor executado somente pela Prefeitura neste ano é de R$ 850 mil. Somado o pagamento de salários atrasados, a quantia ultrapassa R$ 1 milhão. Além disso, o governo municipal estreitou a relação com o governo federal, o que tem atraído mais investimentos, como a aparelhagem do SERC Santa Maria, orçada em R$ 500 mil.

“Temos apelo por 2016 e com certeza nossas equipes contribuirão significativamente para o desempenho do nosso País na Olimpíada”, finalizou Gilmar Tadeu.

Gilmar Tadeu ressaltou conquistas e a articulação com o governo federal para a construção de um centro de excelência de ginástica artística na cidade
Gilmar Tadeu ressaltou conquistas e a articulação com o governo federal para a construção de um centro de excelência de ginástica artística na cidade

Crédito: Robson de Almeida/PMSCS

Comente aqui