Data: 10/11/2019 12:53 / Autor: Redação / Fonte: assessoria de imprensa

Marcelo Vilar destaca virtudes do Azulão em vitória no primeiro jogo da final

Apesar do bom resultado conquistado em Piracicaba, treinador pregou cautela para o confronto decisivo no Anacleto Campanella


Marcelo Vilar destaca virtudes do Azulão em vitória no primeiro jogo da final
Marcelo Vilar destaca virtudes do Azulão em vitória no primeiro jogo da final

Crédito: Fabrício Cortinove

Em busca do título inédito da Copa Paulista, o São Caetano conseguiu um belo resultado por esse objetivo e venceu (3 a 2) o XV de Piracicaba no Barão de Serra Negra. Desempenho que garante ao Azulão a vantagem do empate na próxima partida para ser campeão.  

Diante desta primeira exibição, o técnico Marcelo Vilar analisou os motivos que proporcionaram o triunfo azulino.

“Foi um jogo muito difícil. A equipe do XV, ao lado da sua torcida, conseguiu jogar ofensivamente enquanto o São Caetano foi cirúrgico. O nosso time foi aplicado, acreditou e foi coroado no final com a vitória. Mas é preciso saber também que nada está ganho ainda”, avaliou.

Em primeiro tempo impecável, o São Caetano fez 2 a 0 no placar contra o Nhô Quim. Já na segunda tapa o clube dono da casa chegou ao empate, porém, no último lance da partida, Max marcou de cabeça e garantiu a vitória do Azulão.

Decisão

Valendo o título da Copa Paulista, São Caetano e XV de Piracicaba se enfrentam novamente no próximo fim de semana. Pensando neste duelo decisivo entre os clubes, Marcelo Vilar pregou cautela e ressaltou o que é preciso para conseguir o resultado positivo em casa.

“Apenas terminou o primeiro tempo da decisão. Temos um segundo jogo, e o XV demonstrou que possui time de qualidade. A gente sabe que jogar em casa é melhor, mas precisamos tomar muito cuidado. Temos que crescer e fazer uma exibição melhor que a realizada no jogo passado para conseguirmos o nosso objetivo: conquistar o título”, explicou.  

São Caetano e XV de Piracicaba realizam o segundo jogo da final da Copa Paulista no sábado (16). Dia em que se enfrentam no Anacleto Campanella, às 17h.

Comente aqui