Data: 04/07/2016 08:48 / Autor: Fernando Aragão / Fonte: PMSCS

Hospital Infantil entregue ampliado e revitalizado

O prefeito de São Caetano, Paulo Pinheiro, inaugurou na sexta-feira o novo Hospital Infantil e Maternidade Márcia Braido. Pronto Socorro Infantil ainda leva 15 dias para conclusão da obra


Crédito: Alexandre Yort/PMSCS

A revitalização contemplou a ampliação da emergência, dos consultórios e dos leitos de observação, com a criação de dois isolamentos, além da implantação das salas de coleta e de triagem. O Pronto-Socorro Infantil (PSI) estará aberto ao público em até 15 dias. Enquanto isso, o atendimento aos pacientes seguirá no Hospital Euryclides de Jesus Zerbini.

A obra da Prefeitura integra o pacote de 12 ações do conceito Prioridade pra quem é daqui. “Quanto mais se faz na Saúde, mais precisa ser feito. Posso afirmar com toda certeza que esse equipamento dará um salto de qualidade. É uma preocupação constante da nossa administração para que a população se sinta amparada. Aproveito para anunciar uma novidade. Estamos voltando com as cirurgias bariátricas neste mês, com nova equipe médica, que realizará o dobro de procedimentos, dois por semana”, ressaltou o chefe do Executivo.

Segundo o secretário municipal de Saúde, Dr. Silvio Luiz Martinez, a obra é um grande orgulho para os profissionais da área. “Quero agradecer a união de toda equipe, engenheiros e pediatras, que se esforçou bastante para essa entrega. Só atravessamos momentos difíceis com atitudes arrojadas. Gostaria de destacar o solário, um setor no 2º andar que encontramos em hospitais de alto padrão. Beneficiará pacientes para uma internação mais humanizada.”

 “Para nós médicos, foi muito importante. Esse avanço vai melhorar as condições do atendimento de urgência e emergência às crianças”, completou a diretora clínica do Complexo Hospitalar Municipal, Dra. Marcia Bataglia.

Em nome do Legislativo, o vereador José Roberto Espíndola Xavier, destacou que o Hospital tem 150 leitos do SUS para 160 mil habitantes. “Está dentro dos padrões da Organização Mundial da Saúde (OMS). São Caetano é uma das poucas cidades do Brasil a atender pessoas que não são daqui com qualidade. A prioridade aos moradores se faz necessária. A atual situação econômica fez com que 1,8 milhão de brasileiros deixassem de pagar seus convênios particulares. Temos capacidade para acolher essa transição de pacientes.”

MÁRCIA BRAIDO – Os pais da cidade ganharam um espaço totalmente modernizado e adequado para o bom atendimento médico de seus filhos. A unidade é referência em atendimento pediátrico no Grande ABC. As intervenções englobam a recuperação de todo o prédio. Compreendem, entre outras benfeitorias, a criação de dois novos eleitos, de três consultórios e de mais uma sala de isolamento – os antigos foram revitalizados. Os trabalhos consistem ainda na renovação do sistema de ar-condicionado, pintura de todas as paredes, troca do piso, revisão elétrica e instalação de forro de gesso.

Outra novidade são dois novos geradores de 500 kva cada, multiplicando por quatro a capacidade de geração de energia em caso de interrupção do fornecimento. Os equipamentos de maior capacidade são acionados automaticamente até três segundos após a queda de energia. Antigamente, era só um aparelho, de 250 kva, que contemplava apenas parte do Hospital.

Com a obra, todos os andares do Márcia Braido foram interligados ao Hospital Maria Braido e setores administrativos das unidades foram reorganizados. A acessibilidade a pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida está garantida com elevadores e rampas de acesso. Desde julho de 2014, o PSI está funcionando provisoriamente no Hospital Euryclides de Jesus Zerbini.

ESPECIALIDADES – O Hospital Infantil e Maternidade Márcia Braido de São Caetano atende 24 horas por dia nas especialidades de Pediatria, Ortopedia Infantil, Cirurgia Infantil, Cirurgia Plástica Infantil, Radiologia, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Internações Pediátricas, UTI Neonatal, Centro Obstétrico, Maternidade e Cirurgia Ginecológica. O telefone de contato é 4228-8100.

Crédito: Alexandre Yort/PMSCS

Comente aqui