Data: 14/04/2020 13:27 / Autor: Fabrício Cortinove Pelachine / Fonte: AD São Caetano

Bruno Moraes analisa início no São Caetano

Atacante divide com Emerson Santos a artilharia do clube no Estadual


Bruno Moraes analisa início no São Caetano e destaca importância de preparação fora do Anacleto Campanella
Bruno Moraes analisa início no São Caetano e destaca importância de preparação fora do Anacleto Campanella

Crédito: Fabrício Cortinove

Apesar da paralisação na Série A-2 do Campeonato Paulista, por conta da pandemia do novo Coronavírus, Bruno Moraes não pode reclamar do seu início no São Caetano.

Goleador máximo do clube na disputa ao lado de Emerson Santos, o atacante já fez quatro gols pelo Pequeno Gigante. Número alcançado apenas em cinco jogos realizados, proporcionando assim uma média de 0,8 tentos anotados por rodada.

Diante deste início promissor no Anacleto Campanella, o camisa de número nove destacou o empenho que possui para alcançar tais feitos.

"Todo centroavante busca isso(gols). Buscamos coisas grandes. Então a gente se prepara. Quero conquistar muito mais aqui, pois a camisa do São Caetano é pesada. Todo atleta precisa estar focado em ser campeão e levar este clube para a elite do futebol paulista. Onde merece estar", opinou.

FOCO

Já sobre o período de paralisação, Bruno Moraes ressaltou a necessidade de continuar treinando firme visando o retorno dos campeonatos.

"Os profissionais do clube nos passaram todas as orientações. Então o momento exige sermos mais profissionais do que nunca. Todo mundo possui um espaço em casa para manter a forma física, pois, para quando retornarmos, precisamos estar próximos da nossa melhor condição. Isso vai ser o diferencial para a gente", afirmou o General.

Seguindo orientações da Federação Paulista de Futebol, o time profissional e todas as categorias do Azulão tiveram as suas atividades suspensas por tempo indeterminado. Em 12 jogos realizados na Série A-2 do Campeonato Paulista, o São Caetano ocupa a sexta colocação na classificação geral, com 18 pontos conquistados.

Comente aqui