Data: 31/05/2019 09:50 / Autor: Kati Dias / Fonte: PMSBC

São Bernardo retoma o emblemático Salão de Arte Contemporânea

Interrompido desde 2007, quando foi realizada a última edição, concurso selecionará de 30 a 60 obras com premiação em dinheiro e exposição na Pinacoteca


Pinacoteca
Pinacoteca

Crédito: Gabriel Inamine/PMSBC

A Prefeitura de São Bernardo promove, por meio da Secretaria de Cultura e Juventude, a retomada do emblemático Salão de Arte Contemporânea ao lançar o edital público de chamamento com inscrições até 30 de junho. Interrompida em 2007, desde quando foi realizado o último concurso, a sua 12ª edição tem o objetivo de reatar a linha de continuidade de uma das políticas de cultura mais bem-sucedidas. Nomes que hoje figuram no cenário nacional contemporâneo das Artes Visuais, como Jair Glass, Sandra Cinto, Laerte Ramos, Edson Lourenço e Antonio Dumas Seixas, entre outros, foram artistas premiados em edições anteriores do Salão e têm suas obras no acervo da Pinacoteca.

“Desde o início, esta gestão tem recuperado espaços públicos, democratizado seu uso para diferentes grupos culturais, bem como incentivar a inserção de crianças, jovens e adultos no universo das artes, além de estimular a formação de público. Era natural incentivarmos uma ação que faz parte da história de nossa cidade”, afirmou o prefeito Orlando Morando.

O Edital prevê a seleção de 30 a 60 obras individuais ou de coletivos artísticos nos seguintes categorias: desenho, escultura, cerâmica artística, colagem, pintura, instalação, design, quadrinhos, grafite, fotografia, gravura (litogravura, serigrafia, xilogravura, gravura em metal e congêneres), performance, assim como suas derivações e entrecruzamentos. Será concedida premiação em dinheiro no total de R$ 10,5 mil par quatro artistas escolhidos por uma comissão composta por especialistas em Artes Visuais. Também haverá em agosto, mês de aniversário da cidade, uma exposição na Pinacoteca com as peças inscritas.

Para o secretário de Cultura e Juventude, Adalberto Guazzelli, a Pasta tem cumprido a missão de dar destaque à programação e artistas locais, bem como os equipamentos da cidade. “A prioridade de nossa gestão é implantar um modelo inclusivo, valorizando quem ajudou a construir a história de nossa cidade, bem como quem a escolheu como lar. A Cultura tem de privilegiar a todos”, disse.

O Salão de Arte Contemporânea de 2019 tem como eixos orientadores o fomento à produção artística e a educação e difusão públicas do conhecimento em artes e da cultural em geral. A ação ainda se coloca como instrumento mediador de contato da população com a cidade e região, assim como com a diversidade de tendências e estilos de produtores em atividade para promover o debate das tendências e cenários da arte contemporânea. Para obter mais informações sobre o edital, entre em contato pelo telefone (11) 2630-9600 ou pelo e-mail [email protected]

Comente aqui