Data: 14/06/2019 10:58 / Autor: Redação / Fonte: PMSBC

São Bernardo promove 38ª Festa da Imigração Japonesa neste fim de semana

Com entrada gratuita e apoio da Prefeitura, evento promete reunir elementos da cultura e gastronomia japonesa nas dependências do Cenforpe


São Bernardo promove 38ª Festa da Imigração Japonesa neste fim de semana
São Bernardo promove 38ª Festa da Imigração Japonesa neste fim de semana

Crédito: Omar Matsumoto/PMSBC

Em comemoração aos 111 anos da chegada da comunidade nipo-brasileira ao País, celebrada no próximo dia 18 de junho, São Bernardo promove neste fim de semana a 38ª edição da tradicional Festa da Imigração Japonesa.

Realizado pela União das Associações Nipo-brasileiras de São Bernardo (Rengokai), com apoio da Prefeitura, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia, Trabalho e Turismo, o evento promete oferecer ao público amplo passeio por diversos aspectos da cultura do país ocidental.

A festa será realizada será neste sábado e domingo (dias 15 e 16), das 10h às 21h, nas dependências do Cenforpe, localizado na Avenida Dom Jaime de Barros Câmara, 201, no bairro Planalto, próximo ao acesso do km 20,5 da Via Anchieta. A entrada é gratuita.

Com o intuito de reunir a comunidade japonesa da região e promover a integração entre as culturas do Brasil e do país oriental, o evento reunirá elementos da tradição japonesa, com comidas típicas, dança e oficinas.

“A comunidade japonesa contribuiu muito para o desenvolvimento da nossa cidade. E, nada mais justo, do que apoiarmos a realização dessa festa tão importante para a divulgação da cultura nipo-brasileira”, comentou o prefeito Orlando Morando.

Entre os destaques do evento estão às oficinas culturais de origami (dobraduras de papel que criam representações de seres e objetos) e ikebana (arte de arranjos florais). Também haverá apresentações artísticas e folclóricas típicas da cultura japonesa, como Odori, Taikôs, Akidô, Karaokê e shows musicais.

O público poderá apreciar ainda exposições com a beleza da ikebana (arranjos florais) e de bonsais (árvores em miniaturas), testar suas habilidades nas oficinas de sushi, origami (dobradura de papel) e aprender a escrever seu nome em shodô (caligrafia japonesa).

“A festa é uma tradição da cidade que não apenas estipula a aproximação de ambas as comunidades, como também, proporciona atividades culturais diferenciadas para os moradores da cidade”, pontou o secretário de Desenvolvimento Econômico, Hiroyuki Minami.

CULINÁRIA – A Festa da Imigração Japonesa também será ótima oportunidade para visitantes saborearem diversos pratos da culinária japonesa, como yakisoba, sushi, sashimi, tempurá, gyoza e yakitori, todos a preços acessíveis.

LAZER – A programação conta ainda com musicais de karaokê e apresentação de praticantes de artes marciais e dança ritma. Quem comparecer ao local poderá também comprar produtos japoneses e artigos para presentes, além de conhecer as últimas novidades do mercado de importados

Comente aqui