Data: 27/05/2022 19:34 / Autor: Redação / Fonte: Prefeitura de São Bernardo do Campo

São Bernardo passa a contar com triciclos elétricos para aperfeiçoar coleta seletiva

Cidade poderá se beneficiar de seis unidades doadas por entidade; equipamentos serão utilizados por cooperativa para recolhimento de resíduos recicláveis


Crédito: Gabriel Inamine / PMSBC

A Prefeitura de São Bernardo, comandada por Orlando Morando, passou a contar com novos e modernos equipamentos que irão ajudar a aperfeiçoar o processo de coleta seletiva da cidade. A Oscip Ecolmeia concretizou nesta sexta-feira (27/5), em evento na Esplanada do Paço, a doação ao município de seis unidades de triciclos elétricos que serão utilizados por cooperativa no recolhimento de resíduos recicláveis. Ao todo, o pacote envolve a entrega de nove equipamentos – os outros três têm previsão de chegada até fim de junho.

Os triciclos elétricos foram adquiridos pela entidade com recursos federais, via emenda parlamentar, provenientes do Ministério do Meio Ambiente, representado no ato pelo secretário da Qualidade Ambiental da Pasta, André França. A parceria permitirá que São Bernardo amplie a limpeza urbana com responsabilidade ambiental sem custos aos cofres públicos municipais - cada triciclo custa, em média, R$ 20 mil (as nove unidades, portanto, somam o valor de R$ 180 mil.

A capacidade de armazenamento dos triciclos – recarregáveis em energia comum - é de 250 kg a 300 kg, com buzina, faróis e alarme. O apoio institucional entre a ONG e a Secretaria municipal de Meio Ambiente, via programa EcoRecicla, é iniciativa encampada pela organização como forma de dignificar a atividade do catador de materiais recicláveis, aperfeiçoar a coleta seletiva porta a porta nos municípios e eliminar a tração humana nesta atividade, os chamados catadores de rua.

“Conhecida como cidade industrial, São Bernardo é um grande patrimônio ambiental. Por isso, consideramos de extrema importância recebermos esses veículos. São duas simbologias: energia mais limpa, pois não polui, e do ponto de vista da reciclagem. Temos a coleta seletiva porta a porta em toda a cidade e ecopontos. Vamos melhorar a atuação, é um incremento, produzindo mais trabalho e renda”, afirmou o prefeito Orlando Morando.

A entrega de triciclos no Paço abrangeu 22 unidades, incluindo outras cidades contempladas – no total, serão 33 em junho. Presidente da Ecolmeia, Airton Teixeira relatou que o pacote completo “vai possibilitar em um ano que 5.000 toneladas de recicláveis deixem de ir para o aterro sanitário”. Integrante do governo federal, André França destacou a atitude na busca por recursos em Brasília com vistas a melhorar a vida das pessoas. “Isso se reverte em melhoria do meio ambiente e da qualidade de vida dos catadores, profissionais essenciais ao meio ambiente.”

Em São Bernardo, os triciclos serão operados pelos próprios catadores da Cooperativa de Catadores de Materiais Recicláveis Reluz, uma das entidades que mantém parceria com a Administração municipal para realizar a coleta seletiva porta a porta. A manutenção dos equipamentos ficará a cargo da Ecolmeia.

Comente aqui