Data: 09/04/2020 16:05 / Autor: Daniel Macário / Fonte: Secom/PMSBC

São Bernardo cria canal exclusivo para tirar dúvidas do Auxílio Emergencial

Com apoio da Sala do Empreendedor, microempreendedores individuais e demais moradores poderão esclarecer suas dúvidas via canal de WhatsApp com atendimento personalizado


Crédito: Divulgação/PMSBC

A Prefeitura de São Bernardo criou nesta semana canal exclusivo para que moradores da cidade possam tirar suas dúvidas sobre o pagamento do Auxílio Emergencial, criado pelo Governo Federal. Com apoio da Sala do Empreendedor, microempreendedores individuais e demais munícipes poderão esclarecer, via canal de WhatsApp, todos os seus questionamentos a respeito do processo para obter o benefício, no valor de R$ 600, com equipe de profissionais treinados pela Administração municipal.

No canal, moradores poderão sanar suas dúvidas com relação as regras para obter o benefício, sobre como o cadastro deve ser feito, calendário de pagamento, dentre outras questões. A medida atente pedido feito pelos próprios munícipes que ainda encontram dificuldades em realizar o processo junto a União. A decisão visa ainda evitar aglomeração de pessoas em equipamentos públicos para esclarecer dúvidas.

Lançados oficialmente pelo Governo Federal, na última terça-feira (07/04), o aplicativo e o site que permitem aos trabalhadores se cadastrarem e se candidatarem a receber o auxílio emergencial de R$ 600 ainda têm gerado algumas dúvidas na população. Paralelo a isso, sites e aplicativos falsos foram criados e disseminados para tentar obter dados dos beneficiários.

"Diante da pandemia de coronavírus, muitos trabalhadores e autônomos estão recorrendo a este recurso para enfrentar este período de quarentena. Nada mais justo, do que nós da Prefeitura nos prontificarmos ao auxiliar nossos moradores e MEIs neste processo, com atendimento ágil e personalizado, respondendo as dúvidas dos moradores", destacou o prefeito Orlando Morando.

Para sanar as dúvidas de moradores, a Prefeitura de São Bernardo disponibilizou sete profissionais da Sala do Empreendedor para atendimento. Interessados devem encaminhar suas dúvidas por WhatsApp para um dos seguintes números: 2630-4685/ 2630-4612/ 2630-4687/ 2630-4686/ 2630-4614/ 2630-4613 ou 2630-4611. O atendimento é feito de segunda a sexta-feira, das 10h às 15h.

Sem renda no momento, a microempreendedora individual, Camila Clara Aparecida dos Santos, 39 anos, foi uma das moradores que recorreu ao serviço antes de solicitar o auxílio emergencial. Ela que atua no ramo de eventos, com organização de festas, antes de entrar em contato com o canal do Prefeitura estava na dúvida como preencher o cadastro. "Como faz pouco tempo que abri a MEI não sabia se entrava como profissional desempregada ou microempreendedora. No canal, consegui esclarecer essa dúvida e tive todas as orientações necessárias ao longo do preenchimento das informações. Me ajudou muito", contou.

AUXÍLIO EMERGENCIAL - O benefício do Auxílio Emergencial do Governo Federal foi criado para garantir uma renda mínima aos brasileiros em situação mais vulnerável durante a pandemia do Covid-19.

Segundo o Governo Federal, têm direito ao benefício as pessoas inscritas no Programa Bolsa Família, aquelas que fazem parte do cadastro de Microempreendedores Individuais (MEI), os contribuintes individuais do INSS, as pessoas inscritas no Cadastro Único até o último dia 20 de março, os trabalhadores autônomos e os informais que não fazem parte de nenhum cadastro do Governo Federal.

Para solicitar o benefício, moradores devem acessar o site https://auxilio.caixa.gov.br/#/inicio ou pelo aplicativo da Caixa Econômica Federal disponível nas plataformas Android ou iOS.

Comente aqui