Data: 26/12/2011 09:00 / Autor: Cosmo Silva / Fonte: SECOM PMSBC

Prefeitura de São Bernardo desbloqueia Estrada do Montanhão

Na manhã deste sábado (24/12) todos os três bloqueios da via foram reabertos por máquinas da Prefeitura; tráfego no local já está funcionando


A Prefeitura de São Bernardo do Campo finalizou na manhã deste sábado (24/12) a reabertura da Estrada do Montanhão, no Bairro Baraldi. Dessa forma, as mais de 220 famílias que moram no local e usam a via para chegar até o Centro de São Bernardo saem do isolamento e já podem retomar suas atividades, uma vez que o tráfego de veículos no local já está funcionando. A estrada estava fechada desde o dia 15 de dezembro por determinação da juíza Ana Lúcia Xavier Goldman, da 1ª Vara da Fazenda Pública de Santo André. O habeas corpus com pedido de liminar que determinou a reabertura da via foi concedido na tarde de quinta-feira (22/12), pelo juiz desembargador Eutálio Porto.

O prefeito Luiz Marinho vem acompanhando os trabalhos no local desde a tarde desta sexta-feira (23/12) e, ao chegar pela manhã na via, fez questão de andar a pé com um grupo de moradores por toda a área que estava interditada. Segundo ele, a decisão de fechamento aconteceu de forma impensada e sem nenhuma avaliação sobre os transtornos que o fato iria acarretar a toda comunidade que usa a Estrada do Montanhão. “A determinação do desembargador Eutálio Porto era para que Santo André realizasse o desbloqueio. Como ninguém do Semasa foi localizado para executar o desbloqueio da via, a Justiça nos autorizou a fazer a liberação” disse.

Para o chefe do Executivo, o bom senso da Justiça prevaleceu. “Eu nunca aceitei essa possibilidade. Quando saiu a sentença, coloquei todas as Secretarias envolvidas no processo para que, juridicamente e dentro da legalidade, revertêssemos a decisão. Sabíamos que interditar a estrada foi uma decisão totalmente descabida, uma vez que crianças, mulheres, idosos e vários trabalhadores em geral estariam sendo prejudicados. Não levaram em consideração as mais de 220 famílias que moram no Baraldi”, ressaltou Luiz Marinho. Além de moradores, empresas no local também estavam sendo prejudicadas com o bloqueio, já que tinham que percorrer entre 8 e 23 quilômetros para ter acesso aos serviços do bairro ou até mesmo a outros acessos.

Presente de Natal – A reabertura da Estrada do Montanhão pela Prefeitura de São Bernardo fez com que vários moradores do Bairro Baraldi acordassem bem cedo para presenciarem os últimos trabalhos das máquinas. Foi o caso da dona de casa Ana Maria Gomes, mãe de quatro filhos e que durante o período em que a via esteve fechada teve que andar a pé para comprar mantimentos e ir até a unidade de saúde do Jardim Silvina. Para a moradora, o desbloqueio da via foi um verdadeiro presente de Natal. “Fiz questão de vir agradecer o prefeito Marinho por todo seu empenho e dedicação para que a decisão de fechar a via fosse revista. Esse vai ser o melhor final de ano que toda nossa comunidade vai passar. Estávamos todos isolados e não tínhamos acesso pra nada”, explicou.

O mesmo sentimento de felicidade é compartilhado pelo morador Benedito Matos. Pai de três filhos e com uma menina de nove anos que faz tratamento médico no Hospital das Clínicas, em São Paulo, a reabertura da Estrada foi um alívio. “Estava sem dormir há mais de uma semana. Graças a Deus o Marinho trabalhou ativamente e hoje podemos afirmar que o nosso direito de ir e vir foi assegurado”, destacou.

A Estrada do Montanhão tem cerca de 110 anos e começa no Jardim Silvina, em São Bernardo do Campo, passando por dentro do Parque do Pedroso, em Santo André, e termina no Bairro Baraldi, em São Bernardo. O percurso tem cerca de cinco quilômetros e passa pelo Santuário Nacional de Umbanda. Parte da estrada que pertence a Santo André (1,9 km), havia sido sentenciada pelo Ministério Público andreense e acarretou no isolamento de toda a comunidade local.

Prefeito acompanhou o serviço
Prefeito acompanhou o serviço

Crédito: PMSBC

Comente aqui