Data: 27/01/2022 19:25 / Autor: Redação / Fonte: Prefeitura de São Bernardo do Campo

Prefeitura de São Bernardo abre 650 vagas de cursos de capacitação

Iniciativa, em parceria com o Sebrae, é primeiro pacote de 2022; começa no dia 1º e vai até 23 de fevereiro


Crédito: Ricardo Cassin / PMSBC

A Prefeitura de São Bernardo, gerida por Orlando Morando, formalizou a abertura de 650 vagas para cursos de capacitação na cidade. É a primeira grade oficializada no cronograma de 2022. São seis títulos diferentes de cursos de empreendedorismo gratuitos nesta fase. A iniciativa, realizada em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), tem começo da programação em 1º de fevereiro e se estende até o dia 23.

A atividade inicial, mediante inscrição prévia, se dará na terça-feira (1º), com a palestra sobre Planejamento em Tempos de Crise, que ocorrerá das 19h às 22h. Será o único curso a ser realizado de forma remota, com 500 vagas – os demais restantes acontecem de modo presencial, no auditório da Sala do Empreendedor (térreo do prédio do Executivo municipal, na Praça Samuel Sabatini, 50, Centro). Todas as ações contam com certificado ao fim de cada período.

São 30 vagas disponíveis por curso presencial. A grade inclui também oficina de vendas, no dia 2 de fevereiro (quarta-feira), das 8h às 12h, oficina de fluxo de caixa marcado para o dia 9 (quarta-feira), no mesmo horário, das 8h às 12h, assim como o Sebrae Delas, no dia 11. O quadro é composto ainda pelo curso Descomplique Primeiros Passos, que vai ocorrer entre os dias 14 e 18, das 8h às 12h. E, por último, tem a oficina de formalização, fixado para 23 de fevereiro, no mesmo horário.    

“A retomada dos cursos neste começo de 2022 é de extrema importância tendo em vista a necessidade cada vez maior do mercado de exigir capacitação profissional, além de gerar qualificação neste momento delicado, ainda de crise devido à pandemia, e com índice elevado de desemprego no País. São Bernardo, mais uma vez, irá contribuir para fomentar o emprego e renda na cidade”, pontuou o secretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia, Trabalho e Turismo, Hiroyuki Minami. 

Comente aqui