Data: 06/04/2021 16:46 - Alterado em: 07/04/2021 13:10 / Autor: Redação / Fonte: Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo

Fábricas de Cultura têm programação online para todas as idades

Roda de conversa, leitura mediada e oficinas de desenho e de criação com temáticas como natureza, literatura e dança são algumas das atividades que acontecem virtualmente


Crédito: Gabriel Inamine

As Fábricas de Cultura da Zona Leste e de São Bernardo do Campo, instituições da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, prepararam uma programação diversificada para este mês. As atividades podem ser conferidas diretamente pela plataforma Youtube das unidades. Confira abaixo a programação completa:

Na Fábrica de Cultura Vila Curuçá, será realizada a contação de histórias "Contos da Floresta", trazendo os mitos e as lendas do livro Contos da Floresta, de Yaguarê Yamã, da tradição Maraguá, povo conhecido por suas histórias de assombração, no dia 20/4, às 16h; Já em 29/4, Dia Internacional da Dança, as educadoras: Cintia Pimentel, Cheila Fusco e a Mestra Mara falarão um pouco da arte de dançar, às 15h; Ainda sobre o mesmo tema, no dia 30/4, haverá uma roda de conversa, às 15h30, com a educadora de Balé Camila Bosso, que contará um pouco sobre sua trajetória e sua relação com a dança.?

Na Unidade de Sapopemba, haverá um encontro de leitores "Falando Banto", no dia 28/4, às 15h, debatendo a obra de Eneida Gaspar, e sobre o tronco linguístico que deu origem a mais de 400 línguas africanas, que influencia nossa língua portuguesa e está presente constantemente no dia a dia; No dia 29/4, às 15h, o público virtual poderá conferir a Roda de Conversa "Mestres da Dança", celebrando o Dia Internacional da Dança, com apresentação de grandes nomes no cenário mundial, como Ana Botafogo, Michael Jackson e Mikhail Baryshnikov.

Já na Fábrica de Cultura Itaim Paulista, a dica é a Oficina de Desenho, realizada no dia 15/4, trazendo trabalhos de Ziraldo, que além de escritor também é pintor, dramaturgo, caricaturista e desenhista. Com exercícios criativos de desenho e para embasar essa atividade, será utilizado o livro "Técnicas de desenho", de Peter Jenny; Seguindo com Ziraldo, no dia 17/4, haverá um encontro de leitores para debater os livros infantis do autor. Convidando o público a conhecer três obras de Ziraldo, da coleção "Corpim", uma série que apresenta diferentes partes do corpo como personagens, de maneira criativa. Para essa atividade serão utilizados os livros "O Joelho Juvenal", "Os dez amigos" e "O calcanhar de Aquiles"; Já no dia 22/4, a roda de conversa debate sobre "O Planeta terra", no qual o público poderá refletir e compartilhar suas experiências e opiniões acerca de suas relações com o planeta azul e, para propor o diálogo, será trazido trechos do livro "Ideias para adiar o fim do mundo", de Ailton Krenak, onde o autor expõe sua forma de se relacionar com o planeta Terra.

Unidade Parque Belém realizará no dia 14/4, às 15h, um encontro com as autoras Lua Lucas, multiartista travesti, e Thábata Wbaloja, atriz, arte-educadora e integrante do coletivo "Filhas da Dita". Moradoras da Cidade Tiradentes, elas formam um casal e se lançaram a escrever a quatro mãos o livro de poemas "Travessia", que tem presença marcante das ilustrações de Lucy Eclipsa. No encontro, as autoras falarão sobre suas trajetórias artísticas e o processo de criação de "Travessia", lançado pela Padê Editorial e contemplado pelo Edital ProAC; Haverá ainda, no dia 22/4, às 15h, uma Leitura Pública de trechos do livro "A Ialorixá e o Pajé", escrito pela Yalorixá Odé Kayode, que conta um relato verdadeiro sobre as lembranças que Mãe Stella de Oxóssi viveu quando era uma jovem enfermeira; Fechando a programação na unidade, no dia 30/4, às 11h, haverá a Oficina de Criação: "Naturário 2021 - Ser Criança é Natural", que tem como objetivo refletir sobre a importância do contato com a natureza.

Na Fábrica de Cultura Cidade Tiradentes, dia 21/4, às 15h, haverá um encontro de leitores sobre "A História Desconhecida da Cidade Tiradentes", em comemoração ao aniversário do bairro Cidade Tiradentes, dia 21 de abril. A obra nasceu a partir do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) do historiador Márcio Reis e foi realizada em conjunto com a escritora e palestrante Claudia Canto.

Já a Unidade de São Bernardo do Campo fará uma exposição Modernista e Surrealista refletindo sobre o movimento modernista no Brasil e tendo como referência obras como Abaporu, de Tarsila do Amaral. A atividade acontece na biblioteca digital da Fábrica de Cultura, Bibliotech, que apresentará os trabalhos dos principais artistas no Brasil e do mundo, reforçando os elementos e informações que compõem as obras produzidas, além de curiosidades sobre suas vidas, no dia 22/4, às 14h.

Comente aqui