Data: 16/01/2020 09:32 / Autor: Kati Dias / Fonte: PMSBC

Construção de rotatória projeta melhora no trânsito da Estrada Samuel Aizemberg

Obra ocorre na saída do Km 20 da Rodovia dos Imigrantes e deverá eliminar problema crônico e histórico na região


Em São Bernardo, construção de nova rotatória projeta melhora no trânsito da Estrada Samuel Aizemberg
Em São Bernardo, construção de nova rotatória projeta melhora no trânsito da Estrada Samuel Aizemberg

Crédito: Gabriel Inamine/PMSBC

Um problema crônico e histórico está perto de ser resolvido com a construção de uma nova rotatória na saída do Km 20 da Rodovia dos Imigrantes. Esta intervenção faz parte da duplicação da Estrada Samuel Aizemberg e foi vistoriada, na tarde desta quarta-feira (15/01), pelo prefeito de São Bernardo, Orlando Morando. Na ocasião, o chefe do Executivo estava acompanhado pelo secretário de Transportes e Vias Públicas, Delson José Amador.

“Trata-se de um problema histórico e uma demanda muito antiga de quem mora e trabalha nesta região. O trânsito neste local é muito complicado, especialmente no horário de pico pela manhã e no fim da tarde. O intuito desta rotatória é eliminar o semáforo entre a Estrada Samuel Aizemberg e a Estrada Sadae Takagi, melhorando o acesso tanto ao bairro Cooperativa e no entorno, quanto à Rodovia dos Imigrantes”, afirmou o prefeito Orlando Morando.

No projeto, além da rotatória, está prevista a construção de três faixas de rolamento em cada sentido da Estrada Samuel Aizemberg – duas exclusivas para ônibus e outras quatro para tráfego de veículos. A intervenção será semelhante a que foi feita na Avenida José Odorizzi. As obras, a partir da saída do Km 20 da Rodovia dos Imigrantes até o viaduto Castelo Branco, terão investimento de R$ 54 milhões, com previsão de entrega para dezembro deste ano.

TRANSFORMAÇÃO – As obras de duplicação da Estrada Samuel Aizemberg devem transformar o trânsito do bairro Cooperativa e região, melhorando o fluxo de veículos, a exemplo do que ocorreu na região do Alves Dias com as entregas do viaduto Castelo Branco e a duplicação das avenidas José Odorizzi e dos Flamingos, além do prolongamento da Avenida Oswaldo Fregonezzi e da canalização da Linha Camargo, em um pacote de investimentos que superou R$ 52 milhões.

Outra obra importante que deverá ser entregue em 2020 é a duplicação do Viaduto Tereza Delta – localizado na parte superior do 20,7 km da Via Anchieta –, bem como de todo o complexo viário daquela região. Serão entregues junto com o viaduto, duas alças de acesso, uma permitirá o tráfego que vem da Rodovia Anchieta (Marginal Norte) para o centro da cidade. A outra, disponibilizará locomoção ao retorno para Santos e para a região do bairro, sentido Rodovia dos Imigrantes, com investimento total de R$ 160 milhões.

Comente aqui