Data: 03/09/2019 09:53 / Autor: Paloma Alvarez Alonso / Fonte: Semasa

Santo André assina contrato para obra de canalização de trecho do córrego Utinga

Intervenções, que visam reduzir as enchentes no local, receberão recursos do programa Avançar Cidades, do governo federal


Santo André assina contrato de financiamento para obra de canalização de trecho do córrego Utinga
Santo André assina contrato de financiamento para obra de canalização de trecho do córrego Utinga

Crédito: Angelo Baima/PSA

O prefeito Paulo Serra assinou na última sexta-feira (30) o contrato de financiamento para realização de obras de canalização de um trecho do córrego Utinga. As obras serão realizadas por meio do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) e terão investimento total de aproximadamente R$ 3,7 milhões, já com a contrapartida do município.

As intervenções vão contemplar um trecho de 400 metros do curso do d’água – entre a Estrada de Ferro e a avenida dos Estados – cujas margens do córrego serão recompostas, incluindo a  recuperação de cerca de 200 metros paralela à rua Comendador Júlio Pignatari, que sofreu interdição em razão do processo erosivo do córrego.

Ao longo dos anos, por conta da ação da chuva, esta parte do córrego Utinga sofreu erosão e o canal causou solapamento da via, interditando parte da Júlio Pignatari. O assoreamento do curso d’água também tem prejudicado o rio Tamanduateí, que acaba recebendo entulho e sedimentos vindos do córrego.

A obra visa reduzir as enchentes no local, melhorando a captação das águas e o deságue junto ao rio Tamanduateí, evitando futuros problemas com erosão das margens e assoreamento do canal. Além disso, as intervenções vão beneficiar os moradores que residem junto ao Núcleo dos Ciganos, viabilizando o processo de urbanização do assentamento, mitigando os riscos para quem mora no entorno da canalização.

A estimativa do Semasa é dar início às obras físicas em janeiro do ano que vem, sendo que os trabalhos devem durar seis meses. Os recursos são provenientes do programa Avançar Cidades, do governo federal. 

Comente aqui