Data: 18/04/2013 11:18 / Autor: Redação / Fonte: Sindicato dos Bancários do ABC

Rachel Moreno debate a imagem da mulher na mídia

Evento aconteceu no Sindicato dos Bancários do ABC; Rachel fez o lançamento do seu livro “A Imagem da Mulher na Mídia”


Palestra no SIndicato dos Bancários
Palestra no SIndicato dos Bancários

“A Imagem da Mulher na Mídia” foi tema da palestra ministrada na noite desta quarta-feira (17/4) por Rachel Moreno, que na ocasião fez o lançamento do seu livro que leva o mesmo nome. O encontro, que reuniu dezenas de pessoas na Sede Social do Sindicato dos Bancários do ABC, abordou uma análise sobre a presença feminina nos veículos de comunicação, comparando legislações de 12 países sobre a imagem da mulher na mídia.

Eric Nilson, presidente do Sindicato dos Bancários do ABC, parabenizou Rachel pelo trabalho. “Esta é mais uma conquista para esta militante da causa da mulher, que tem levado cada vez mais esta bandeira à frente. Atualmente temos exemplos claros do espaço que as mulheres vêm conquistando, como a tomada de cargos importantes como a nossa presidenta Dilma e a presidenta do Sindicato dos Bancários de São Paulo, Juvandia Moreira. Vale destacar também que já tivemos em nossa diretoria o comando de uma mulher, Maria Rita Serrano”, destacou.

Organizadora do evento, Inez Galardinovic, que é diretora do Sindicato pela Caixa Econômica Federal, destacou o papel da mídia na sociedade. “Os meios de comunicação têm sido os principais influenciadores dos hábitos da sociedade nos dias de hoje, ditando moda na maneira como nos vestimos e falamos, por exemplo. Temos de direcionar nossa atenção para policiar e implantar a democratização da mídia no país, inclusive na nossa categoria dos bancários”.

Alice Pequenino, integrante da delegação do Sindicato Nacional dos Empregados Bancários de Angola que está visitando o Sindicato do ABC para a troca de experiências, também participou do evento. “Sou bancária há nove anos e pude acompanhar o desenvolvimento do sindicalismo e perceber a participação de jovens em nosso segmento. O papel da mulher também se mostrou importante neste cenário”, contou.

Debate

Rachel Moreno fez análises da presença feminina na mídia, além de avaliar a reprodução de estereótipos e preconceitos. De acordo com a autora, o livro “A Imagem da Mulher na Mídia” sugere a mobilização por uma comunicação de qualidade, que contemple a diversidade, pluralidade e o direito à informação.

“A participação das mulheres no mercado de trabalho e no mundo político tem aumentado, mas a imagem que fica é explorada e tratada de forma pejorativa pelos veículos de comunicação. Estes aspectos, aliados à banalização ou espetacularização da violência, além da ridicularização, chega a ser semelhante ao tratamento dado a outros grupos e movimentos sociais como os negros, trabalhadores, entre outros segmentos da sociedade”, ressaltou Rachel.

Encerrando sua apresentação, Rachel apontou alguns aspectos fundamentais para melhorar este cenário: “definir regras claras e consensuais, além de criar órgãos e mecanismos de controle da implementação efetiva destes acordos, com a representação da sociedade civil, em sua pluralidade, são medidas para avançarmos neste segmento”, concluiu.

Comente aqui