Data: 22/11/2021 12:35 / Autor: Redação / Fonte: Sindicatos dos bancários e professores do ABC

IV Felisa começa no dia 25 de novembro

Feira Literária de Santo André promovida pelos sindicatos dos bancários e professores do ABC e a editora Coopacesso já se tornou referência cultural na região


Feira literária de Santo André (Felisa)
Feira literária de Santo André (Felisa)

Crédito: Divulgação

A Feira literária de Santo André (Felisa) chega a sua quarta edição neste ano, com realização, de forma virtual, nos dias 25, 26 e 27 de novembro. O evento, que teve início em 2018, já reuniu dezenas de autores do Grande ABC e São Paulo, tornando-se referência no calendário cultural da região.

A Felisa nasceu de parceria do Sindicato dos Bancários do ABC com a Editora Coopacesso, inicialmente para possibilitar que escritores, em especial, da região do Grande ABC (a maioria independentes), pudessem ter um espaço para exposição e venda de suas produções. Em 2019 o Sindicato dos Professores do ABC também passou a integrar a organização, ajudando a aprimorar a concepção do evento.

Assim, o que em princípio era contribuir para exposição de obras e a formação de um "gosto" pela literatura acabou por se tornar uma programação rica em debates e espetáculos culturais, com rodas de conversa, saraus, contação de histórias e shows musicais. Todos os anos, a feira também faz homenagens especiais e, neste ano, ela vai para a escritora negra Carolina Maria de Jesus. 

Como também realiza concurso literário e premia com publicações, a Feira também é esperada com ansiedade pelos autores da região, estimulando não só a leitura como a produção literária. “A cada ano temos mais pessoas interessadas. Infelizmente as edições tiveram que ser virtuais por causa da pandemia, mas ainda assim há um forte envolvimento dos que buscam e produzem literatura na nossa região e São Paulo”, destaca o presidente do Sindicato, Gheorge Vitti, lembrando a importância da valorização do setor cultural para a democracia do País.

Destaques da Programação

25/11 - 19h - Roda de Conversa com a participação de mulheres que fazem parte de projeto de reciclagem de papel. Lançamento do livro “Quarentena da Resistência na voz de 21 catadoras".

26/11 – 19h - Abertura oficial da Felisa, com a participação das entidades organizadoras. Roda de Conversa sobre a vida e obra de Carolina Maria de Jesus, mulher negra e moradora da periferia, cuja principal obra é "Quarto de despejo", um retrato da vida dos moradores de favela.

27/11 - Programação das 10h às 18h, iniciada com celebração inter religiosa e seguida da roda de conversa "Pedagogia dos Sonhos Possíveis - Utopia, Sonhos, Esperança, Luta!", que abordará o pensamento de Paulo Freire. Saraus, shows musicais, conversa com autores, lançamento de livros e participação dos poetas que integraram o 3ª Concurso Felisa Poética.

Para acompanhar a Felisa 2021 acesse o link.

Feira literária de Santo André (Felisa)
Feira literária de Santo André (Felisa)

Crédito: Divulgação

Comente aqui