Data: 06/04/2020 08:23 / Autor: Redação / Fonte: Secom PSA

Covid-19 | Boletim Santo André | 05/04


A Prefeitura de Santo André, por meio da Secretaria de Saúde, atualiza os números do novo coronavírus na cidade:
354 casos suspeitos
207 casos descartados
72 casos confirmados, entre eles 3 óbitos

1º óbito - Paciente do sexo masculino, que tinha 68 anos e deu entrada na UPA Sacadura Cabral em 18 de março. O mesmo apresentou sintomas da doença, que se agravaram devido a comorbidades, e veio a falecer na mesma data;

2º óbito - Paciente do sexo masculino, de 63 anos. Morreu no dia 28 de março, em São Caetano. Não tinha comorbidades.

3º óbito - Informações em breve.

AÇÕES DE COMBATE À PANDEMIA DE COVID-19 ANUNCIADAS ATÉ O MOMENTO:

- Criação do Fundo Especial de Combate ao Coronavírus. Conta do Fundo Social de Solidariedade será apta a receber doações para compra de cestas básicas e itens de higiene;

- Doação de 50% do salário do prefeito Paulo Serra para o Fundo Especial de Combate ao Coronavírus; 

- Prorrogação de prazo de suspensão de aulas na rede municipal e fechamento de parques até 19 de abril;

- Recebimento de doações em formato drive-thru no Fundo Social de Solidariedade de Santo André, de segunda a sexta-feira, das 9h às 15h. Itens serão entregues a famílias em situação de vulnerabilidade social. A entidade fica na avenida dos Estados, 2.195, bairro Santa Teresinha;

- Lançamento de portal com todas as medidas emergenciais para preservar os empregos e a economia, disponível no link http://bit.ly/apoioeconomiacoronasa;

- Lançamento do programa Educação em Casa, que disponibiliza atividades complementares online para os alunos da rede municipal, especialmente desenvolvidas para serem realizadas durante o período de suspensão das aulas. O conteúdo pode ser acessado no site educacao.santoandre.sp.gov.br;

- Início do programa Merenda em Casa na última quinta-feira (2). Alunos da rede municipal de ensino passaram a receber kits com alimento e material de limpeza por conta da suspensão das aulas;

- Reforço da equipe de coleta de resíduos úmidos;

- Suspensão da coleta de recicláveis;

- Abertura de seis Estações de Coleta;

- Adiamento, por tempo indeterminado, do I Congresso Regional Universitário: Desafios e Perspectivas para o Desenvolvimento Sustentável do Grande ABC, que estava agendado para os dias 2, 3 e 4 de junho. Mais informações no site http://www3.santoandre.sp.gov.br/santoandre500anos/index.php/congressouniversitario/;

- Liberação de microcrédito para empreendedores pelo Banco do Povo, com taxas de juros de 0,35% ao mês;

- Antecipação da primeira parcela do 13º salário para os servidores municipais ativos e inativos;

- Caminhões passaram a higienizar as principais vias da cidade em 25 de março, no entorno de terminais de ônibus, estações de trem, Unidades de Saúde e corredores comerciais;

- Suspensão de pagamentos do ISS e IPTU (industrial e comercial), além da suspensão de protestos de dívidas;

- Suspensão da gratuidade para os idosos a partir de 24 de março. As pessoas com mais de 60 anos podem circular gratuitamente apenas das 9h às 16h, ou seja, fora do horário de pico;

- Decreto que proíbe o funcionamento de estabelecimentos comerciais que não sejam de serviços essenciais, desde 23 de março;

- Início da construção de hospitais de campanha no estádio Bruno Daniel e Complexo Esportivo Pedro Dell’Antonia, criando 300 novos leitos;

- Intensificação de ações para garantir os protocolos de higiene e conscientização, além da disponibilização de espaço para acolhimento e isolamento social para moradores em situação de rua com suspeita de contaminação pelo novo coronavírus;

- Fechamento de todos os restaurantes da Craisa (Companhia Regional de Abastecimento Integrado de Santo André), com exceção da unidade do prédio do Executivo;

- Recomendação para que condomínios e edifícios localizados em Santo André proíbam a utilização das áreas comuns, tais como brinquedotecas, piscinas, academias de ginástica, quadras de esportes (abertas ou fechadas), playgrounds, churrasqueiras, salão de festas, salão de jogos, sala de reuniões, entre outros;

- Suspensão das provas dos concursos públicos da Guarda Civil Municipal e da Educação por 60 dias. Quem se inscreveu não terá prejuízo;

- Decretação de estado de calamidade pública;

- Decretação de estado de emergência na cidade por período de 90 dias, o que permite a dispensa de licitação para a aquisição de bens e serviços e requisição de bens e serviços, tanto de pessoas físicas como de jurídicas, com justa indenização; 

- Suspensão do mercado de flores e de peixes ornamentais da Craisa;

- Praça de Atendimento da Prefeitura foi fechada em 23 de março. Serviços estão sendo oferecidos pela internet;

- Suspensão das atividades culturais, esportivas, comerciais, artísticas e de equipamentos como o Museu de Santo André, Casa da Palavra, Biblioteca, Ludoteca, Sabina e Crisa (Centro de Referência do Idoso de Santo André);

- Suspensão das aulas de cursos profissionalizantes da Escola de Ouro Andreense, escolas livres da cultura e demais cursos oferecidos pela Prefeitura, como os do Parque Escola, Caem (Centro de Atendimento Educacional Multidisciplinar), Nanasa (Núcleo de Natação Adaptada de Santo André) e as atividades oferecidas pelo Cesas; 

- Recomendação às igrejas, templos, entidades religiosas e instituições que reúnam grande público que suspendam temporariamente os encontros com aglomeração de pessoas;

- Suspensão da Zona Azul a partir de 18 de março, por período de 30 dias;

- Limitação de no máximo dez pessoas em salas de velórios municipais;

- Dispensa da presença física nos locais de trabalho dos servidores públicos com mais de 60 anos, gestantes e portadores de doenças imunossupressoras, que desempenharão suas atividades de casa, sem prejuízos;

- Suspensão do atendimento físico no Procon, que está recebendo demandas pelo e-mail procon@santoandre.sp.gov.br e sites www.consumidor.gov.br e www.procon.sp.gov.br;

- Suspensão de férias dos servidores da Saúde por tempo indeterminado;

- Suspensão, por 60 dias, de todas as consultas eletivas com especialistas;

- Suspensão gradativa de cirurgias eletivas por 60 dias, para liberar leitos de UTI para os pacientes mais graves; 

- Agentes comunitários de saúde atuarão nos grupos de risco, visitando idosos, gestantes e doentes crônicos;

- Todas as agendas em Unidades de Saúde e Policlínicas estão sendo canceladas para atender demandas espontâneas. Generalistas, pediatras e ginecologistas (atendendo sobretudo gestantes), para disponibilizar atendimento imediato aos pacientes com suspeita ou confirmação de Covid-19;

- Redução das visitas aos internados nos hospitais municipais, para controlar o fluxo de circulação de pessoas;

- Ampliação da equipe de limpeza e higienização dos veículos três vezes ao dia nos ônibus;

- Suspensão temporária do atendimento da Aesa (Associação das Empresas do Sistema de Transporte de Santo André) para evitar aglomerações. A renovação de cartões de gratuidade, principalmente para idosos, serão feitas sob agendamento;

- Suspensão da gratuidade para estudantes a partir do dia 23 de março, para evitar o uso desnecessário do transporte público;

- Suspensão de atendimento presencial no Posto de atendimento na sede do Semasa;

- Suspensão das trocas do programa Moeda Verde;

- Interrupção da feira de adoção “Eu amo, Eu Adoto” e das trocas do programa Moeda Pet; 

- Suspensão do atendimento presencial na Ouvidoria, que passa a atender somente pelo e-mail ouvidoria@santoandre.sp.gov.br e telefone 4437-1150. 

Comente aqui