Data: 26/02/2020 16:28 / Autor: Redação / Fonte: PMETRP

Ribeirão Pires recebe palestra do ITESCS sobre empreendedorismo

Evento foi ministrado pelo professor Luiz Schimidt, do Instituto de Tecnologia de São Caetano do Sul, na FRP/Uniesp


Ribeirão Pires recebe palestra do ITESCS sobre empreendedorismo
Ribeirão Pires recebe palestra do ITESCS sobre empreendedorismo

Crédito: PMETRP

Cerca de 120 estudantes e empreendedores da Estância Turística de Ribeirão Pires participaram da palestra gratuita “Ribeirão Pires 4.0”, promovida pelo ITESCS - Instituto de Tecnologia de São Caetano do Sul, na sede da FRP (Faculdade de Ribeirão Pires – Uniesp S.A), na semana passada.

A palestra, que abordou temas de tecnologia, empreendedorismo, startup e turismo, foi ministrada pelo professor Luiz Schimidt, graduado em administração pelo Universidade Anhembi Morumbi, com MBA em gestão de processos na FGV, e especialista em facilities e gestão de acessos no Grupo Schimidt Segurança e Serviços, local em que atua como diretor.

“O público-alvo da ação são jovens e empreendedores com idades a partir de 16 anos. O meu objetivo foi abordar ideias de como potencializar principalmente o turismo, usando tecnologia. Um exemplo é a utilização de QRCodes no comércio para mostrar a história do local e os pontos turísticos no entorno; além do uso de redes sociais”, explicou Schimidt.

“A região do Grande ABC tem potencial para grande crescimento e muitas oportunidades que poderiam ser desenvolvidas no setor turístico”, concluiu.

O evento foi realizado em parceria entre a Rede de Gestores de Recursos Humanos do ABC e ITESCS, com apoio da Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico da Prefeitura de Ribeirão Pires.

“Desde 2017, temos feito muitas ações de incentivo ao empreendedorismo e fomento ao setor de turismo da nossa Estância. É necessário que, além do setor público, o munícipe tenha o sentimento de pertencimento da cidade e explore todas as suas potencialidades”, afirmou o secretário de Turismo e Desenvolvimento da Estância, César Ferreira.

Crédito: PMETRP

Comente aqui