Data: 11/10/2019 17:35 / Autor: Redação / Fonte: PMETRP

Ribeirão Pires inicia mutirão para zerar fila de espera por endoscopia

Prefeitura, por meio da Secretaria de Saúde da cidade, promove ação para agilizar diagnóstico de pacientes da rede municipal


Ribeirão Pires inicia mutirão para zerar fila de espera por endoscopia
Ribeirão Pires inicia mutirão para zerar fila de espera por endoscopia

Crédito: Mariana Rodrigues

A Prefeitura da Estância Turística de Ribeirão Pires iniciou nesse mês de outubro mais um mutirão de exames para reduzir o tempo de espera por diagnóstico. Por meio da Secretaria de Saúde, serão realizados no Hospital e Maternidade São Lucas mil endoscopias gratuitamente.

Para a realização dos exames, a Prefeitura destinou R$ 115 mil provenientes de emenda parlamentar do deputado estadual Marcos Damásio para a contratação dos serviços médicos de diagnóstico. De acordo com o diretor clínico do Hospital e Maternidade São Lucas, Dr. Clayder Louzada, os exames, solicitados por médicos da Atenção Básica, são importantes para a confirmação de agravos à saúde como infecção por H. pylori (infecção bacteriana que causa inflamação no estômago); gastrite crônica; hemorragias digestivas; ou casos mais complexos, como câncer de estômago.

“Com o exame, damos condições aos profissionais da rede de fazerem a investigação dos casos, permitindo o correto encaminhamento do paciente para tratamento e acompanhamento médico”, explicou.

Karolaine Arruda, 21 anos, moradora do bairro Quarta Divisão, foi uma das pacientes atendidas pelo mutirão. “Sentia fortes dores no estômago. Fiquei satisfeita com o mutirão”, disse a paciente, que aguardava há cerca de um ano pela realização do exame.

O mutirão no Hospital São Lucas será realizado, a partir desse mês, todas as sextas-feiras, até a realização dos mil procedimentos. Antes da ação, os pacientes aguardavam a liberação de vagas pela Secretaria de Saúde do Estado em unidades de referência para o exame – AME Mauá, AME Santo André e Hospital Mário Covas.

Cerca de 1200 pacientes aguardavam pela realização do exame. Mensalmente, a rede municipal recebe, em média, 85 pedidos de endoscopia. Até março desse ano, o Estado ofertava, em média, 70 vagas/mês. A partir de abril, o número subiu para 150. Com a realização do mutirão, a expectativa é zerar a fila de espera.

“Essa é mais uma importante ação realizada na gestão do prefeito Kiko (Adler Teixeira) para reduzir o tempo de espera por procedimentos que garantem mais saúde e qualidade de vida às pessoas. De 2017 para cá, a Prefeitura retomou exames e realizou série de mutirões para zerar a fila de espera de procedimentos como ultrassom, tomografia, raio-x e mamografia”, explicou a superintendente administrativa da Secretaria de Saúde de Ribeirão Pires, Adriana Perez.

Comente aqui