Data: 13/07/2019 19:09 / Autor: Redação / Fonte: PMETRP / GovSP

Governo de SP inaugura revitalização de acesso a Ribeirão Pires

Obras entregues foram realizadas com recursos do Fundo Metropolitano de Financiamento e Investimento (FUMEFI). Dória anuncia novos investimentos para a cidade


Governo de SP inaugura revitalização de acesso a Ribeirão Pires

O Governador João Doria, o prefeito da Estância Turística de Ribeirão Pires, Adler Teixeira – Kiko, o prefeito de São Bernardo, Orlando Morando, a deputada estadual Carla Morando e o Secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, inauguraram, neste sábado (13), as obras de revitalização de acesso rodoviário ao município de Ribeirão Pires. Além disso, deu início às obras para recuperação da pista e revitalização da sinalização da Rodovia Índio Tibiriçá (SP-031), uma das principais ligações entre as cidades do Alto Tietê ao ABC Paulista na Região Metropolitana de São Paulo. A via, um dos principais acessos do município, ganhou, por meio de convênio com o Estado, novo asfalto e a revitalização de seu canteiro central – agora Parque Linear da Estância.

 “As obras de revitalização do acesso rodoviário, que nós estamos entregando hoje, complementam também todo o contexto de um parque entregue para a população, quase na sua totalidade.  As obras representaram 700 empregos diretos e indiretos e um benefício a 70 mil moradores de Ribeirão Pires”, declarou o Governador.

As obras no acesso rodoviário ao município de Ribeirão Pires tiveram investimento de R$ 1,2 milhão, sendo R$ 1.098.617,39 com recursos do Fundo Metropolitano de Financiamento e Investimento (FUMEFI), vinculado à Secretaria de Desenvolvimento Regional, e o restante de responsabilidade do município. O empreendimento incluiu a revitalização de 1,4 km do canteiro central da Avenida Kaethe Richers, do entroncamento com a SP-031 (Rodovia Índio Tibiriçá) até o cruzamento com a Rua Domingos de Oliveira.

Foram pavimentados 5,3 mil m² em lajota de concreto e construídos 523 m² de piso em ladrilho hidráulico, além de recapeamento de alguns trechos, reconstrução de calçadas e instalação de equipamentos de ginástica.

 “As obras proporcionarão não apenas maior segurança aos que trafegam rumo a Ribeirão Pires, mas oferecem adicionalmente um novo espaço de convivência e prática de esportes à população”, comemorou Vinholi.

O recapeamento da via garantirá condições de segurança, com melhoria de mobilidade para o centro do município e outros destinos da Região Metropolitana de São Paulo.

RECUPERAÇÃO
As obras na Rodovia Índio Tibiriçá (SP 031), com investimento de R$ 19,08 milhões do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), trarão maior conforto e mais segurança aos 19 mil motoristas que passam pela rodovia diariamente.

Os serviços de recuperação da pista e revitalização da sinalização pela Rodovia Índio Tibiriçá (SP-031) serão realizados do Km 33,1 ao Km 70,30, beneficiando os municípios de São Bernardo do Campo, Santo André, Ribeirão Pires e Suzano. O prazo previsto de execução dos trabalhos é de 12 meses, a contar da assinatura de contrato, que aconteceu em junho de 2020.

A empresa Compec Galasso, vencedora do processo licitatório, já iniciou a mobilização pela rodovia com atividades de montagem do canteiro de obras e medições. Nas próximas semanas, os usuários já presenciarão maquinário pesado e trabalhadores pela rodovia. Durante as obras, haverá sinalização específica, conforme regulamenta o Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN).

HOSPITAL
O prefeito pleiteou no evento, com o apoio da deputada Carla Morando, recursos para o término das obras do Hospital situado no bairro Santa Luzia. O governado João Dória confirmou, após a fala de Kiko, o compromisso do Estado para o repasse dos recursos.

“Considero, como gestor público e governador do Estado, inconcebível uma obra parada de hospital. Considere, a partir de agora, o compromisso do Estado de São Paulo para concluir a obra”, afirmou Dória. 

Para a retomada e conclusão das obras do hospital situado atrás da Unidade de Pronto Atendimento Santa Luzia, foi pleiteada pelo município a liberação de cerca de R$ 8 milhões. A construção da unidade hospitalar, iniciada há cerca de dez anos, por meio de convênio com o Governo do Estado, está paralisada desde 2013. 60% das obras foram realizadas.

Também participaram do evento o secretário de Infraestrutura e Meio Ambiente, Marcos Penido, o deputado estadual coronel Nishikawa, a secretária executiva de Logística e Transporte do Estado, Andra Robert, o secretário executivo do FUMEFI, Vivaldo Filho, o secretário de Obras de Ribeirão Pires, Taka Yamauchi, entre outras autoridades da cidade, região e do Estado.

Comente aqui