Data: 27/10/2021 14:30 / Autor: Redação / Fonte: PMETRP

Equipe Ambiental de Ribeirão Pires resgata 37 aves de cativeiro clandestino

30 deles eram nativos da Estância e já foram reinseridos à natureza


Criar animais silvestres em cativeiro é crime, com pena que pode chegar à um ano de detenção
Criar animais silvestres em cativeiro é crime, com pena que pode chegar à um ano de detenção

Crédito: PMETRP

A Secretaria do Meio Ambiente, Habitação e Desenvolvimento Urbano de Ribeirão Pires, por meio do Departamento de Proteção à Fauna e Bem Estar Animal, conseguiu resgatar 37 pássaros nesta terça-feira, dia 26, no bairro da Colônia. Todos os animais foram avaliados pelos profissionais do departamento e passam bem. 30 deles são nativos da Estância e já foram reintroduzidos na natureza. Os demais foram levados a uma reserva ambiental onde estão recebendo todos os cuidados antes de serem devolvidos aos seus habitats.

A equipe ambiental estava atendendo a outra ocorrência, quando flagrou algumas armadilhas para pássaros em um terreno baldio. Ao averiguar a situação, o agentes encontraram um cativeiro clandestino com as aves das mais diversas espécies, como: tico-tico, coleirinha, pixoxo, baininho, cigarrinho, entre outras.

Os responsáveis ainda não foram identificados. A pena por tráfico de animais pode ser de seis meses a um ano de detenção, além da multa que pode variar dependendo da espécie e do estado dos animais. Quem compra ou tem em cativeiro espécies da fauna silvestre também está sujeito à mesma pena, como previsto em lei.

Entrega Voluntária - Se você tiver um animal silvestre ou exótico em sua residência, uma opção é realizar a entrega voluntária, que não gera penalização nem multa.

Para denúncias, salvamentos ou entregas voluntárias, os telefones da equipe são: 4824-4197 ou 97211-1112, este segundo também atende via WhatsApp.

30 pássaros já foram reinseridos à natureza e os outros 7 passarão pelo mesmo processo através de uma reserva ambiental.
30 pássaros já foram reinseridos à natureza e os outros 7 passarão pelo mesmo processo através de uma reserva ambiental.

Crédito: PMETRP

Comente aqui