Data: 15/04/2013 16:37 / Autor: Redação / Fonte: PMRP

Construção da nova estação ferroviária em Ribeirão Pires em fase final

Executivo da Estância está envolvido no processo para construção de nova estação e passarela que ligará Centro ao Centro Alto


 

O projeto para a construção de nova estação ferroviária na Estância Turística de Ribeirão Pires está dentro do cronograma previsto pela Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM). De acordo com informações da Companhia ao Executivo municipal, o processo, que desde o início, em abril de 2009, é acompanhado pela Prefeitura, está em fase final de emissão de documentos de licenciamento.

A próxima etapa será a abertura do processo de licitação para as obras.

Segundo documentação datada de novembro de 2012, a previsão da CPTM é que o projeto seja executado e concluído entre 2014/2015.

 “Agradecemos o empenho do Diretor de Planejamento da CPTM, Silvestre Eduardo Rocha, e de sua equipe técnica, que nos receberam em reunião na sede da empresa no último mês e que permitem que o Poder Público Municipal participe de todo o processo. Agradecemos também lideranças empenhadas em apoiar a construção do novo terminal ferroviário”, afirmou o Secretário de Assuntos Estratégicos de Ribeirão Pires, Paulo de Tarso.

 “Estamos acompanhando de perto o projeto para a construção da nova estação e de passarela que ligará o Centro e o Centro Alto. Além disso, em reuniões com a CPTM, o prefeito Saulo Benevides e equipe técnica da Prefeitura solicitaram à Companhia a cessão de áreas ao município, a serem destinadas para projetos ambientais, turísticos e para construção de mini terminal rodoviário, que atenderá os moradores do Centro Alto”, completou o secretário.

A construção de nova estação ferroviária possibilitará a integração com o Terminal Rodoviário Turístico e a modernização do acesso de pedestres, por meio de passarela, entre a Avenida Santo André e a Avenida Capitão José Gallo, eliminando a travessia em nível e contemplando todos os aspectos de acessibilidade e mobilidade urbana.

 “Este é um importante projeto para a cidade, que beneficiará centenas de moradores que utilizam diariamente o serviço de transporte ferroviário de passageiros. Essa ação vem de encontro com projetos de melhoria de mobilidade urbana e até mesmo de estimulo ao desenvolvimento da cidade, uma vez que a nova estação garantirá melhor estrutura para receber trabalhadores e visitantes”, opinou o prefeito Saulo Benevides.

A estação ferroviária em operação na Estância, que data de 1885, é tombada pelo patrimônio histórico e conta com passarela antiga para transposição da ferrovia. Pelo grande fluxo de pedestres, a passagem em nível controlada por portão acionado automaticamente, conforme o trem se aproxima, será mantida até que a construção da nova passarela seja concluída.

Comente aqui