Data: 18/06/2021 14:50 / Autor: Redação / Fonte: PMETRP

CCZ de Ribeirão Pires orienta sobre os cuidados com os animais no inverno

Jéssica Piovezan, médica veterinária, fala sobre as precauções que devem ser tomadas nesta época do ano


Passeios e atividades físicas devem ser mantidas durante o inverno
Passeios e atividades físicas devem ser mantidas durante o inverno

Crédito: PMETRP

Na próxima segunda-feira, dia 21, começa o inverno, época mais fria do ano. As baixas temperaturas trazem uma preocupação a mais para os donos de animais domésticos: Quais  são os cuidados que devem ser tomados com os bichinhos para que eles não fiquem doentes? A médica veterinária Jéssica Piovezan, responsável pelo Centro de Controle de Zoonoses de Ribeirão Pires, preparou  algumas dicas importantes.

A primeira delas é o cuidado com o local onde o animal dorme. Segundo a veterinária, deve-se evitar o contato direto com a superfície fria. “No momento em que o animal está dormindo é necessário que ele tenha um tapete ou algum revestimento que impeça o contato com o chão gelado. Assim como os humanos, os gatos e cachorros também podem pegar gripe”, explica a veterinária.

O banho continua sendo fundamental, porém, deve ser diminuído. “Nem todo mundo gosta de tomar banho no frio, não é mesmo?! (risos). Cães e gatos podem desenvolver até mesmo pneumonias bacterianas, que podem ser contagiosas a outros animais. Por isso, se for dar banho nos bichinhos, utilize água morna e diminua a frequência nessa época do ano”, orienta.

Outro ponto importante é estar atento ao comportamento dos bichinhos. “Nessa época do ano normalmente eles ficam mais quietinhos, mas nada que saia do normal. Então, se o dono notar qualquer tipo de mudança no estado de saúde, como indisposição, falta de apetite,  leve seu animal para o veterinário. E que se você mantém uma rotina de exercícios e passeios, deve continuar também nessa época do ano”, comenta.

Já com relação a aparição de cobras, a veterinária projeta que haverá uma diminuição de casos na cidade. “As cobras são animais de sangue frio, sendo assim, a tendência é que diminuam sua atividade durante o inverno”, finaliza.

Veterinária Jéssica Piovezan é dona do Bat, seu gatinho de estimação
Veterinária Jéssica Piovezan é dona do Bat, seu gatinho de estimação

Crédito: PMETRP

Comente aqui