Data: 06/12/2019 10:44 / Autor: Redação / Fonte: PMETRP

“Cidadania Móvel” de Ribeirão Pires dá continuidade aos atendimentos

Desde o início do serviço, cerca de 1.200 munícipes foram atendidos pelo equipamento em diferentes bairros da Estância


“Cidadania Móvel” de Ribeirão Pires dá continuidade aos atendimentos em dezembro
“Cidadania Móvel” de Ribeirão Pires dá continuidade aos atendimentos em dezembro

Crédito: Gabriel Mazzo

O “Cidadania Móvel”, unidade itinerante da SASC – Secretaria de Assistência Social e Cidadania da Prefeitura de Ribeirão Pires, está facilitando o acesso de moradores a programas sociais e serviços. Em dezembro, o equipamento dará continuidade aos atendimentos, em diferentes regiões.

A unidade percorrerá os bairros Jardim Iramaia, Parque Aliança, Vila dos Vianas e Santa Luzia. No dia 9 de dezembro, segunda-feira, das 10h às 14h, o “Cidadania” estará estacionado na Rua Evaldo Braga, s/nº - Jardim Iramaia (em frente ao Bar do Jorge).

De maio – início dos atendimentos - a novembro, o “Cidadania Móvel” atendeu cerca de 1.200 moradores e percorreu 35 regiões, principalmente bairros distantes das unidades dos Centros de Referência de Assistência Social da cidade.

O serviço contemplou moradores do Jardim Valentina; Centro; Centro Alto; Jardim Esperança, Santana, Santa Luzia, Jardim Luso, Jardim Vista Linda, Barro Branco, Jardim Iramaia; Vila Sueli; Parque Aliança, Vila Gomes, Pilar Velho, Jardim Esperança; Ouro Fino; Santa Clara; Jardim Serrano; Vila Aurora; Vila Suíssa; Somma; Represa; Sítio Taquaral; Ponte Seca; Pouso Alegre; Jardim Aprazível, Rancho Alegre; Vila Marquesa; Roncon; Jardim Caçula; Vila Conceição; Vila Nova; Casa Vermelha; Jardim Luzitano e Quarta Divisão.

"Com o ‘Cidadania’, aproximamos a equipe técnica da Assistência Social e a população, ofertando serviços disponíveis nos CRAS e CREAS da Prefeitura, além de cadastramento e orientações sobre programas sociais, bem como, palestras e informações de serviços municipais”, explicou a secretária de Assistência Social e Cidadania, Elza Iwasaki.

Dentre os serviços oferecidos está o acesso das famílias ao Cadastro Único – orientações, atualização, informações sobre suas condicionalidades, programas sociais agregados a ele – entre os quais o Bolsa Família. O CadÚnico é um instrumento utilizado pelo Governo Federal para registrar e identificar famílias de baixa renda em todo País, permitindo que o Poder Público conheça suas necessidades.

O cadastro é a primeira etapa para que o cidadão tenha acesso a diversos programas sociais federais como o Bolsa Família, o Benefício de Prestação Continuada – BPC, o Programa Cisternas, a Tarifa Social de Energia Elétrica, entre outros. Lembrando que o cadastro não significa a entrada automática nesses programas, pois cada um deles tem suas regras específicas.

O equipamento também promove o cadastramento e atualização cadastral do Benefício de Prestação Continuada – BPC-LOAS para idosos e deficientes (a não-atualização cadastral pode acarretar a interrupção do benefício pelo Governo Federal), além de agendamento e orientações sobre outros serviços.

Confira o cronograma completo de atendimentos do mês de dezembro:

- 9/12 (segunda-feira) - das 10h às 14h –Rua Evaldo Braga, s/nº  – Jardim Iramaia (ao lado do Bar do Jorge);

- 11/12 (quarta-feira) - das 10h às 14h – Praça Hishiro Hidaka, s/nº - Parque Aliança (em frente ao Bar Fome Zero);

- 12/12 (quinta-feira) - das 10h às 14h – Rua Treze de Maio, altura do nº 24 (em frente ao Bar do Alemão);

- 16/12 (segunda-feira) - das 10h às 14h – Rua Professor Antônio Nunes, 551 – Santa Luzia (em frente à USF Santa Luzia).

Comente aqui