Data: 09/04/2020 17:12 - Alterado em: 30/04/2020 15:55 / Autor: Redação / Fonte: PMETRP

"Cidadania Móvel" reforçará orientações a moradores sobre auxílio emergencial

Equipamento percorre bairros da Estância ampliando a divulgação das informações sobre programas dos governos Federal e Estadual


Crédito: Gabriel Mazzo

A Prefeitura de Ribeirão Pires segue reforçando as orientações sobre programas de auxílio nesse período de crise da pandemia do coronavírus. Na próxima segunda-feira, dia 4, o “Cidadania Móvel”, unidade itinerante da Secretaria de Assistência Social e Cidadania, atenderá moradores do Parque Aliança e região. Das 10h às 14h, o veículo estará estacionado na Rua Arnaldo Correia, 30, em frente à Praça Ishiro Hidaka.

O equipamento está percorrendo diferentes regiões da cidade para orientar sobre o funcionamento de programas como o Auxílio Emergencial, do Governo Federal, e Auxílio Merenda, do Governo do Estado, além de esclarecimentos sobre outros serviços públicos municipais como da saúde, educação, entre outros.

Em abril, o “Cidadania Móvel” percorreu os bairros Vila Conceição, Santa Rosa, Jardim Aprazível, São Caetaninho, Jardim Vista Linda, Rancho Alegre, Jardim Iramaia, Vila Marquesa, Planalto Bela Vista, Vila dos Vianas, Santa Luzia e Jardim Serrano. Cerca de 500 moradores receberam orientações pelas equipes de Assistência Social.

“Nosso objetivo é assegurar que os munícipes tenham acesso à informação. A equipe da assistência social estará disponível para esclarecer dúvidas da população”, explicou a Secretaria de Assistência Social e Cidadania, Elza Iwasaki.

Antes dos atendimentos, os moradores passam por triagem. As equipes, com EPI’s, verificam a temperatura do munícipe. Caso apresente febre, o morador é encaminhado à unidade de saúde mais próxima para atendimento. A medida se dá para prevenção das equipes e demais moradores nesse momento de combate ao COVID-19.

“Estamos seguindo orientação da Secretaria de Saúde para promover essa triagem e aproveitamos para orientar os munícipes nas questões preventivas ao coronavírus”, concluiu Elza.

Auxílio Emergencial - Pelo programa, chamado “coronavoucher”, profissionais autônomos e informais de todo o País receberão, por três meses, o auxílio emergencial no valor de R$ 600. Mães responsáveis pelo sustento da família poderão receber o dobro – R$ 1.200,00. Duas pessoas por família, no máximo, terão direito ao auxílio emergencial. Beneficiários do Bolsa Família poderão receber o “coronavoucher” caso o valor do auxílio seja maior – os programas não serão cumulativos. Moradores da cidade que estejam dentro do perfil do programa e que já estejam inscritos no CadÚnico não terão necessidade de novo cadastro.

Todos os procedimentos relacionados ao programa são realizados por meio de plataformas digitais – aplicativo, site e central telefônica. O Governo Federal disponibilizou o app Caixa – Auxílio Emergencial para celulares com sistemas Android e IOS (da Apple). O download pode ser feito tanto na App Store, quando na PlayStore. O Governo Federal anunciou que pessoas sem créditos no celular terão a possibilidade de baixar o aplicativo, em acordo firmado com operadoras. Dúvidas poderão ser sanadas pelo telefone 111 (ligação gratuita). O trabalhador poderá consultar se está ou não no CadÚnico pelo site do Ministério da Cidadania.

Confira o cronograma completo do “Cidadania Móvel” na próxima semana:

- Dia 4/05, das 10h às 14h

Rua Arnaldo Correia, 30 - Parque Aliança (em frente à Praça Ishiro Hidaka);

- Dia 5/05, das 10h às 14h

Avenida Vereador Rubens Maziero, 100 - Ouro Fino (em frente à E. M. Profº. Sebastião Vayego de Carvalho);

- Dia 6/05, das 10h às 14h

Rua Santa Madalena, 420 - Jardim Planteucal (em frente ao Bar da Dona Maria);

- Dia 7/05, das 10h às 14h

Rua Recreio, 99 - Jardim Verão (em frente à E.M. Irmã Maria Bernadete Bandeira de Seixas);

- Dia 8/05, das 10h às 14h

Rua São Francisco, 336 - Jardim São Francisco (em frente ao Merkadito).

Comente aqui