Data: 25/04/2016 15:16 / Autor: Redação / Fonte: MP & Rossi

Santa Casa de Mauá inicia ampliação

Projeto prevê duplicação de sua área física e atendimento passará de 20 mil/mês para 50 mil. Novos equipamentos, aumento dos apartamentos de internação estão previstos entre outras


No ano em que completa seu jubileu de ouro, a Santa Casa de Mauá inicia um ousado projeto de ampliação de suas instalações, que permitirão dobrar sua área física e triplicar a capacidade de atendimento. De acordo com o superintendente da Santa Casa de Mauá, Harry Horst Walendy, a obra faz parte do seu plano diretor para os próximos cinco anos e envolve recursos próprios e financiamento.

A ampliação começou pelo pronto atendimento e dentro de 90 dias, terá capacidade de atender por mês 50 mil pessoas, hoje são 20 mil atendimentos. A área de internação também será contemplada com a construção de mais 10 apartamentos, totalizando 38 e para atender à nova estrutura, a Santa Casa duplicou sua capacidade energética com o projeto de nova cabine primária.

A segunda fase da obra envolverá a construção de um prédio com 10 andares que comportarão, entre outras instalações, um hospital de retaguarda com até 80 leitos, para abrigar pacientes da Rede pública (SUS) que necessitam de internação permanente, mas que apresentam quadro clínico estável, necessitando de cuidados clínicos não intensivos. Com isso haverá liberação de leitos nos hospitais da região para atendimento aos casos mais graves e cirúrgicos.

Além da reforma física, a Santa Casa também adquiriu novos equipamentos, como o aparelho de tomografia computadorizada multi-slice, que possibilita obter imagens de alta qualidade, com espessuras mínimas, e permite reconstruções multiplanares de alta definição.

O tempo de exame é muito menor em relação aos realizados nos equipamentos convencionais, permitindo o estudo com cortes finos e com ampla cobertura anatômica, em pequenos espaços de tempo.

Este método pode ser usado para todas as partes do corpo e tem grande importância na avaliação crânio-encefálica, do pescoço, pulmões, estruturas mediastinais, órgãos abdominais, pesquisa de cálculos urinários, análise das estruturas ósseas e calcificações, entre outras.

A Santa Casa de Mauá atende pacientes da rede particular, convênios e SUS (mediante encaminhamento pela Secretaria de Saúde de Mauá) e, nos últimos meses, tem realizado pelo serviço público boa parte dos partos tanto de Mauá, quanto de Ribeirão Pires e de Rio Grande da Serra.

A instituição médica ainda dá suporte hospitalar ao SUS através de sua UTI adulto e neonatal e atende consultas ambulatoriais nas especialidades de ginecologia, hematologia, oftalmologia, vascular, cirurgia plástica, otorrinolaringologia, neurologia, psiquiatria, urologia, ortopedia, gastroenterologia, proctologia, dermatologia e cardiologia, entre outras.

Comente aqui