Data: 30/06/2016 08:23 / Autor: Redação / Fonte: PMM

Prefeitura de Mauá agora tem Controladoria Interna

Controladoria terá atuação independente e em conjunto com órgãos de fiscalização externos. Dr. Adriano Paciente Gonçalves é o responsável pela coordenação dos serviços


Prefeito Donisete Braga recebe o Dr. Adriano Paciente Gonçalves
Prefeito Donisete Braga recebe o Dr. Adriano Paciente Gonçalves

Crédito: Fabiana Pontes

Iniciou nesta quarta-feira (28/6) o funcionamento da Controladoria Interna do Município de Mauá. A criação do órgão pelo poder Executivo municipal seguiu recomendação do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo. Quem assumiu o posto foi o servidor público de carreira, Dr. Adriano Paciente Gonçalves. Advogado e pós-graduado em direito administrativo, ele é concursado do município de Mauá desde 2004.

De acordo com o texto do projeto de lei encaminhado pelo executivo, a Controladoria Interna do Município terá atuação independente e em conjunto com órgãos de fiscalização externos, como Tribunal de Contas do Estado de São Paulo, Tribunal de Contas da União e Controladoria Geral da União.

No total, o novo órgão será responsável por verificar as ações de 26 itens, entre eles: Avaliar o cumprimento das metas previstas no Plano Plurianual (PPA), e  a regularidade e eficácia na execução dos Planos e Políticas de Governo, Avaliar a adequação da Lei Orçamentária Anual (LOA) ao PPA e à Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO); e acompanhar a execução orçamentária, avaliando constantemente o comportamento da receita prevista e arrecadada, podendo sugerir medidas em relação às renúncias e evasão de receitas.

 “Com a criação da Controladoria damos um passo importante para imprimir mais transparência e garantir o bom funcionamento da máquina pública, pois terá o poder de fiscalizar, em conjunto com órgãos estaduais e federais, todas as secretarias municipais. Essa iniciativa é pioneira em nossa cidade”, explicou o prefeito Donisete Braga.

Adriano Paciente Gonçalves está desde 2007 na Secretaria de Assuntos Jurídicos, onde passou por diversos setores. Foi assessor das procuradorias trabalhista, fiscal e procuradoria geral. Em 2010 passou para a consultoria geral, onde foi chefe do setor de contratos e responsável pela comissão de sindicância e processos administrativos.  Desde agosto de 2013 era corregedor geral do município.

Comente aqui