Data: 11/04/2013 09:57 / Autor: Redação / Fonte: PMM

GGI de Mauá discute novo diagnóstico da criminalidade e violência

Objetivo é o planejamento e execução de ações preventivas e proporcionar mais qualidade de vida para a população


Donisete Braga participa da 2ª Reunião Ordinária de 2013
Donisete Braga participa da 2ª Reunião Ordinária de 2013

Crédito: Evandro Oliveira/ PM

Integrantes do Gabinete de Gestão Integrada de Segurança Pública de Mauá participaram da 2ª Reunião Ordinária de 2013, nesta terça-feira (9), no auditório do gabinete do prefeito. Estiveram presentes: o prefeito, Donisete Braga, representantes das secretarias municipais, Polícia Civil, Polícia Militar, Secretaria Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Senasp), Justiça Federal, Conselho Tutelar, entre outros.

Na ocasião, foi apresentado um programa que permite a localização, o georeferenciamento e detalhamento de ocorrências de violência registradas em serviços da Secretaria de Saúde, que inclui dados da Delegacia da Mulher de Mauá.

A intenção da apresentação, realizada pelas coordenadoras do Núcleo de Prevenção às Violências em prol da Saúde (Previsa), Walkíria Zacheu e da Vigilância Epidemiológica, Cláudia Walendy, é demonstrar a abrangência que o sistema permite ampliar a integração dos setores para fornecimento de informações para o banco de dados e tornar o georeferenciamento mais eficiente e preciso. “Desta maneira é possível propor políticas públicas de prevenção e atendimento dos casos, considerando onde eles mais ocorrem e suas características”, explicou Walkíria. O estudo utiliza um formulário de informações que não identifica as vítimas pelo nome, mas considera sexo, idade, cor, escolaridade e outros detalhes.

A administração tem realizado importantes medidas de cunho social que colabora na prevenção da violência, inclusive para que a população se aproprie positivamente dos espaços públicos, segundo o prefeito. “O projeto Cidade Limpa está organizando e revitalizando os bairros, inclusive o Paço Municipal, por onde passam muitas pessoas, e vamos reformar a quadra de skate, ampliar a ronda nas escolas municipais, particulares e estaduais, iluminar onde for necessário, construir moradias, para que possamos ter a nossa cidade educadora, inclusiva e acolhedora”, afirmou Braga.

O secretário de Segurança Pública, Carlos Tomaz explicou que a elaboração de um diagnóstico sobre violência vai potencializar o investimento de recursos e os resultados obtidos com ação preventiva e conjunta do poder público. Tomaz defende que uma mudança social que promova o diálogo dentro do ambiente familiar e consolide a Cultura de Paz também colabora com a redução da criminalidade.

O delegado titular do município, Alberto José Mesquita Alves, considerou importante o prefeito concordar com o fato de que o combate ao crime anda junto com a solução dos problemas sociais. “O aumento das estatísticas criminais tem muito a ver com o aumento do consumo de drogas. A polícia não consegue evitar que as pessoas iniciem no uso de entorpecentes. Quando um caso chega à delegacia é porque o problema já passou pela família”, disse.

Tomaz anunciou ainda que no dia 15 (segunda-feira), às 19h, a Prefeitura fará o lançamento da Campanha do Desarmamento Infantil, no Teatro Municipal, que irá reunir pais, professores, conselheiros tutelares, gestores, autoridades, integrantes das forças de segurança, igrejas, grêmios esportivos, entre outros, em prol da Cultura da Paz no município.

Comente aqui