Data: 30/07/2021 09:39 / Autor: Redação / Fonte: BRK Ambiental

Descarte incorreto de lixo causou 515 obstruções nas tubulações de esgoto em Mauá

As principais consequências são o retorno do esgoto para dentro de imóveis ou até mesmo a ruptura de tubulações


Descarte incorreto de lixo causou 515 obstruções nas tubulações de esgoto no primeiro semestre em Mauá
Descarte incorreto de lixo causou 515 obstruções nas tubulações de esgoto no primeiro semestre em Mauá

Crédito: BRK Ambiental

No primeiro semestre deste ano, a BRK Ambiental, concessionária responsável pelos serviços de esgoto em Mauá, realizou 515 desobstruções nas tubulações da rede de esgoto do município.

Esse tipo de situação ocorre pelo uso e descarte incorreto de materiais que se acumulam e impedem a passagem do esgoto nas tubulações. Entre as principais consequências do entupimento da rede, estão o retorno do esgoto para dentro dos imóveis ou até mesmo a ruptura das tubulações.

A maioria da população não sabe, mas o sistema de esgoto é dimensionado para receber 99% de material líquido e 1% de material sólido. Isso quer dizer que qualquer lixo descartado no esgoto pode gerar sérios entupimentos e danos ao sistema de esgotamento sanitário.

Atualmente, o maior registro de lixo encontrado é de resíduos de construção civil (pedras, resto de cimento, madeira, plástico, papelão, sacos etc.) e descartes de banheiro (papel higiênico, fio dental, preservativos, cabelo, cotonetes, tecidos, sacos plásticos etc.),além de resíduos de cozinha que são descartados irregularmente, como restos de comida e, principalmente, óleo e gordura.

“O sistema não está preparado para receber esses materiais. Nos atendimentos às ocorrências de entupimentos, em manutenções de redes, sistema de bombeamento e nas grades da estação de tratamento de esgoto, removemos resíduos que não deveriam estar ali”, explica o gerente de Operações da BRK Ambiental em Mauá, Bruno Gravatá.

Os resíduos removidos nos sistemas são acondicionados de forma adequada e direcionados para o seu destino final ambientalmente correto. Evitar essas situações, como o esgoto voltando para as ruas, imóveis e avarias nas tubulações, só é possível quando todos se sensibilizam quanto ao descarte adequado e lembram que lugar de lixo é no lixo.

A BRK Ambiental reforça que pequenas mudanças de hábitos no dia a dia contribuem positivamente com o bom funcionamento dos sistemas de saneamento básico.

Para dicas e informações sobre os cuidados com as redes de esgoto e o descarte correto de lixo, acesse: blog.brkambiental.com.br.

Comente aqui