Data: 08/06/2021 19:33 / Autor: Redação / Fonte: Prefeitura de Diadema

Terceira etapa da Vacinação contra Gripe começa amanhã em Diadema

Munícipio aplicou mais de 47 mil doses da proteção contra a Influenza desde 12 de abril


Crédito: Dino Santos

O município de Diadema entra na terceira etapa da Campanha Nacional de Vacinação Contra Gripe nesta quarta-feira (09/06)). Até 9 de julho, será a vez de pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, pessoas com deficiência permanente, forças de segurança e salvamento, forças armadas, caminhoneiros, trabalhadores de transporte coletivo rodoviário de passageiros urbano e de longo curso, trabalhadores portuários, funcionários do sistema prisional, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas e população privada de liberdade. Também podem ser vacinar os grupos da primeira e segunda fase que não conseguiram receber a dose no tempo oportuno.

A vacinação é realizada em 20 postos da cidade, de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 16h, desde 12 de abril. Diadema também promoveu um Dia D, em 29 de maio, para ampliar a cobertura vacinal. Até o momento, foram imunizadas 47.027 pessoas contra a gripe. Entre os grupos que mais aderiram à campanha estão idosos (20.651 pessoas), seguido por crianças (18.558), trabalhadores da saúde (4.494 pessoas), gestantes (1.941 mulheres) e puerperas (423 mulheres).

“É necessário manter a vacinação contra a influenza atualizada, pois estamos nos aproximando do inverno, época que tradicionalmente registramos um aumento no número de casos e hospitalizações pelas doenças respiratórias, entre elas, a gripe. Em tempos de pandemia pelo novo coronavírus, a imunização contra a influenza torna-se uma aliada importante, pois fortalece o sistema imunológico da população, ajuda a reduzir a circulação do vírus influenza na cidade, o que contribui para a redução no número de casos e desafoga os leitos hospitalares. É fundamental que as pessoas procurem a unidade para se imunizar o quanto antes”, explicou a secretária municipal de Saúde, Rejane Calixto.

A vacina contra a Influenza pode ser aplicada simultaneamente com qualquer outra vacina do PNI, exceto a vacina contra a Covid-19. Por isso, é necessário dar um intervalo entre a vacina contra a Covid-19 e a Vacina contra Influenza de 14 dias. As pessoas que estiverem com Covid-19 ou que tiveram a doença há menos de 28 dias devem adiar a vacinação da influenza.

A previsão é que sejam vacinadas aproximadamente 143 mil pessoas contra a Influenza até o final da campanha, segundo estimativa de Grupo de Vigilância Epidemiológica (GVE).

Comente aqui