Data: 24/05/2022 16:27 / Autor: Redação / Fonte: PMD

Secretário se reúne com Unifesp para discutir ações de segurança no campus Diadema

Benedito Mariano informou que já aumentou rondas na unidade da região central, mas pediu que alunos façam BO para traçar estratégias para o local


Secretário se reúne com Unifesp para discutir ações de segurança no campus Diadema
Secretário se reúne com Unifesp para discutir ações de segurança no campus Diadema

Crédito: Dino Santos

O secretário de Segurança Cidadã de Diadema, Benedito Mariano, e o secretário adjunto da pasta, Antônio Fonseca, recepcionaram na manhã desta terça-feira a direção do campus Diadema da Unifesp para ouvir demandas da instituição sobre o aumento da sensação de segurança do prédio universitário localizado na região central da cidade.

Nas últimas semanas, a Secretaria de Segurança Cidadã recebeu informações sobre assaltos nos arredores da Unifesp. O encontro com o vice-diretor acadêmico da universidade, Wagner Batista, e o diretor administrativo João Carlos Alves Duarte teve como objetivo traçar a estratégia de segurança para a região.

“É importante o registro da ocorrência. É por meio do BO que as forças de segurança estabelecem estratégias efetivas para coibir as ocorrências”, disse Mariano. “Soubemos das reclamações dos alunos e já adotamos ações para melhorar a sensação de segurança de imediato. Mas os registros são importantes para a gente mapear a situação. Na Operação Bairro Seguro, que percorremos os centros comerciais de bairros, temos pedido muito isso aos comerciantes também.”

Desde domingo (22), viaturas da GCM foram destacadas para rondas próximas à Unifesp. Essa estratégia será reforçada, com utilização de motocicletas da guarda. Também foi definida a intensificação da presença da GCM em horário de entrada e saída de alunos, em especial na parte da noite. Reunião com a PM, para trabalho em conjunto, foi agendada para que haja uma força-tarefa para resolver a situação.

Mariano informou os representantes da Unifesp que a região será contemplada com um dos 25 totens de segurança que a administração vai adquirir como nova etapa da estratégia de segurança pública no município. Cada totem tem cerca de 4 metros de altura, com câmeras interligadas a um sistema de videomonitoramento e botão de acionamento em ocorrências. Essa tática tem coletado bons resultados na cidade de Cotia, na Região Metropolitana, e em municípios do Paraná.

“O governo Filippi tem uma linha de prevenção, com rondas, a presença da GCM nas ruas, monitoramento e inteligência. Essa linha já trouxe resultados exitosos com relação aos pancadões. A gente mapeou os pontos, destacamos nossos agentes previamente e há uma intervenção antes do pancadão acontecer, sem conflito”, destacou o secretário.

Batista e Duarte avisaram que, ainda nesta semana, haverá reunião com os alunos e irão reforçar a necessidade da confecção dos BOs. A Unifesp em Diadema possui 3.500 alunos (entre graduação e pós-graduação) e 500 funcionários (entre docentes, servidores administrativos e terceirizados). Além do campus no Centro, a universidade possui a unidade José de Filippi, no Eldorado.

Benedito Mariano informou que já aumentou rondas na unidade da região central
Benedito Mariano informou que já aumentou rondas na unidade da região central

Crédito: Dino Santos

Comente aqui