Data: 12/03/2020 10:00 / Autor: Iara S. Luz / Fonte: PMD

Revitalização traz Teatro Escola para Diadema

O prefeito Lauro Michels entregou no começo da noite, de 11 de março, o Teatro Escola Serraria, que funcionará como local de formação e difusão em artes cênica.


Prefeito e convidados
Prefeito e convidados

Crédito: Thiago Benedetti

A implantação da arena faz parte da revitalização do Complexo Cultural Serraria, que agora passa a integrar o Teatro Escola, a Biblioteca Serraria, o Centro Cultural Serraria e o Acervo Érica Farias, com mais de 100 títulos sobre a arte de representar.

A entrega foi prestigiada por moradores, secretários municipais, o presidente da Câmara e vereadores, que assistiram a apresentações de Dança do Ventre, Dança Cigana e Balé Infantil, realizadas por participantes do Projeto Vem Dançar. Enquanto isso, alunos das Oficinas de Teatro do CEU das Artes e do próprio CC Serraria, realizavam esquetes, fazendo a estreia do mais novo espaço teatral de Diadema.  

“Mesmo com a crise que assola o país, Diadema está realizando projetos que ajudam a melhorar a vida das pessoas. Este espaço recebeu em menos de três anos novas intervenções e isso é importante porque produz mais cultura”, afirmou o prefeito Lauro Michels, agradecendo em seguida aos funcionários e arte-educadores que trabalham nos equipamentos culturais do município.   

O secretário de Cultura, Eduardo Minas, ressaltou o desafio que é administrar uma pasta municipal e disse que as revitalizações visam promover o aprimoramento da cultura e da produção local. “Com as melhorias já realizadas, a Nova Casa da Música, que em 2018 atendia 300 alunos, passou a receber mais de 2.500 estudantes. Descentralizamos a linguagem Circo e, hoje, essa formação acontece em todos os centros culturais de Diadema. Foi possível, também, aumentar as vagas em oficinas e elas saltaram, de 3 mil matrículas, em 2017,  para mais 10 mil vagas em 2020”, disse.

O Serraria foi o primeiro centro cultural revitalizado e transformado em Complexo Cultural, modelo que foi implantado também em outros sete equipamentos. Em 2017, a Prefeitura de Diadema, por meio da Secretaria de Cultura, começou o processo de ressignificação dos espaços, que incluem reforma geral dos prédios, nova iluminação e paisagismo e readequação de ambientes. O próximo espaço a ser revitalizado é o Complexo Cultural Taboão e a entrega da melhoria ocorrerá ainda este mês.

Novas oficinas - Outro ponto positivo  que a revitalização traz é o aumento da oferta em formação e na difusão cultural.  No caso do CC Serraria, com a implantação do teatro escola foi possível a criação de novos cursos na área cênica - Iluminação, Sonoplastia, Maquiagem e Desenvolvimento de Roteiros -  e o local voltou a ser referência nesta linguagem. Com isso, o número de vagas, em formação,  saltou de 400 para 850, sendo 250 só na área teatral.

Para Rebeca de Campos, 16 anos, aluna da Oficina de Teatro do CEU das Artes, a criação do teatro escola no CC Serraria é uma ganho para cidade. “Eu estou aqui para representar um trecho da peça O Auto da Compadecida, de Ariano Suassuna, e considero muito importante a implantação desse novo espaço. Acho que ele pode potencializar o ensino das artes cênicas em Diadema e também despertar os alunos que já frequentam as oficinas para a profissionalização”, disse.

Sala de maquiagem cênica – Para deixar o Teatro Escola Serraria equipado para realizações de oficinas e experimentos teatrais, foram implantados sistema de sonorização e refletores, camarim e sala de maquiagem cênica. Já o  CC Serraria, nessa segunda etapa de  revitalização, recebeu nova iluminação e paisagismo, sala multiuso com espelho e piso laminado para realização de oficinas de Dança e Capoeira, pintura geral e reparos em pontos onde ocorriam infiltrações.

Centro Cultural Serraria - Rua Guarani, 790, Bairro Serraria.   Tel.: 4056-4950.

Comente aqui