Data: 30/06/2022 09:36 / Autor: Iara S. Luz / Fonte: PMD

Restaurante Serraria abre refeitório para atendimento ao público

Antes da reforma e por causa da pandemia, a unidade só fornecia marmitex. Agora, a pessoa pode comer no local e também levar comida para casa


Restaurante Serraria abre refeitório para atendimento ao público
Restaurante Serraria abre refeitório para atendimento ao público

Crédito: Dino Santos

Com uma caprichada feijoada, como o prato dia, e reabrindo o refeitório do restaurante para atendimento ao público, a Prefeitura de Diadema entregou, nesta quarta-feira (29/6), as melhorias realizadas no Restaurante Popular Serraria.

O prédio localizado na Avenida Lico Maia passou por manutenção, recebendo reparos em paredes, portas, janelas e telhados, e uma nova pintura foi aplicada na parte interna. Também houve toca de pisos e vidros quebrados e os bainheiros receberam vasos novos.

Os ambientes da unidade ganharam padronização nas placas de identificação e novos equipamentos chegaram para facilitar o trabalho da equipe que diariamente preparam e servem 1.055 refeições. Entre os utensílios, lavadora de louça, forno de combinado e uma pass-through, que refrigera ou mantém os pratos aquecidos.

O Programa Restaurante Popular de Diadema tem o objetivo de combater a fome, oferecendo à população alimentação balanceada e de qualidade, a preços populares. Cada refeição custa R$ 2,00.

Homenagem e mudança de nome - Outra mudança que a reforma trouxe para o Restaurante Popular Serraria foi a modificação do seu nome social. Ele agora chama Restaurante Popular Serraria - Irmã Lucina, uma homenagem a freira Maria Madalena de Figueiredo, que realizou importante trabalho social em Diadema.  A sugestão para incluir o nome da religiosa na unidade alimentar foi do vereador Zé Antônio.

Só no bairro Serraria, onde está localizado o restaurante popular, a Irmã Lucina, por muitos anos, atendeu crianças e famílias em situação de vulnerabilidade. O trabalho era desenvolvido por meio da Obra Social São Francisco Xavier, e até hoje a entidade funciona no bairro.

O prefeito José de Filippi Júnior, presente no ato de entrega da reforma, falou com muito carinho da Irmã Lucina e o quanto ela ajudava as pessoas necessitadas. “Eu, por muitas vezes, fui visitar a Irmã Lucina e ela, com seu jeitinho todo peculiar, conquistava a todos e tudo que queria”, revelou.

Filippi relembrou que o Programa Restaurante Popular de Diadema foi criado em 2005 e que a unidade Serraria foi a primeira a ser implantada. “Me lembro, era meu terceiro mandato como prefeito, e em setembro de 2005, o Patrus Ananias, na época ministro Desenvolvimento Social e Combate à Fome, veio a Diadema, para inauguramos este restaurante. Por tudo isso, esse momento é de celebração e de continuarmos lutando por uma sociedade mais justa, onde todos têm direito à alimentação saudável e com qualidade de vida”, disse.

O secretário de Segurança Alimentar, Gel Antônio, responsável pela pasta que cuida da ação alimentar, disse que as melhorias aplicadas na unidade do Serraria é mais um passo no processo de reestruturação que o programa vem passando. “Quando chegamos, em 2021, na Secretaria de Segurança Alimentar, a situação do restaurante era muito ruim. O aluguel estava atrasado, há dois anos, e a ameaça de despejo era real. Conversamos com o proprietário e acertamos que ele faria a reforma do prédio e a Prefeitura colocaria o aluguel em dia. E foi o que aconteceu”, afirmou.

Gel, ainda, ressaltou, que a reforma do Restaurante Popular do Campanário e da Cozinha Didática está em andamento e, que na próxima segunda-feira (4/7), começa as adequações do local onde vai funcionar o Restaurante Bom Prato, programa alimentar estadual. “É um prédio no centro do Eldorado e as adaptações serão feitas em parceria, entre a Prefeitura de Diadema e Governo do Estado”, finalizou.

Convidados – Além dos populares que frequentam o Restaurante do Serraria, estiveram na entrega da reforma a vice-prefeita de Diadema Patty Ferreira, a primeira dama Inês Maria de Filippi, secretários municipais, vereadores, os padres Amilton e Vinicius, este último representando a Mitra Diocesana de Santo André, e Marta Carvalho dos Santos, presidente das Obra Social São Francisco Xavier.

Todos os presentes almoçaram ao som de canções executadas por um grupo de artistas da Casa da Música de Diadema.

Comente aqui