Data: 12/11/2019 17:04 / Autor: Marcos Luiz / Fonte: PMD

Guarda Civil Municipal de Diadema faz 20 anos

A cerimônia homenageou os guardas civis já falecidos, mais três ex-comandantes da corporação, autoridades, um guarda patrimonial e uma funcionária administrativa


Guarda Civil de Diadema faz 20 anos
Guarda Civil de Diadema faz 20 anos

Crédito: Thiago Benedetti

Há exatos 20 anos, em 12 de novembro de 1.999, a Prefeitura de Diadema criou por meio da Lei Complementar nº 100, a Guarda Civil Municipal. A cerimônia de comemoração, ontem, 11/11, no Teatro Clara Nunes, homenageou os guardas civis já falecidos, mais três ex-comandantes da corporação, autoridades, um guarda patrimonial e uma funcionária administrativa. A parte final do encontro foi reservada à condecoração aos GCMs que se destacaram no exercício das suas funções.

Dentre os guardas condecorados estavam os dois GCMs da Guarda Ambiental que socorreram e conseguiram salvar, em agosto, uma criancinha de 10 meses de idade que havia desfalecido por engolir lantejoula da blusa da própria mãe. Outra ocorrência que foi motivo de entrega de medalhas de honra e mérito a seis GCMs aconteceu no dia 23 de dezembro do ano passado, quando esses guardas conseguiram abordar, durante a Operação Casa em Ordem, um grande número de motociclistas que perturbavam o sossego público. Durante a Operação, duas dessas motocicletas foram apreendidas por serem fruto de roubo.

Foram relembrados 11 GCMs que faleceram ao longo dessas duas décadas, alguns no exercício da função. A família da GCM Tânia Regina esteve presente no evento. Bastante emocionado, o pai dela recebeu e agradeceu a lembrança.

A cerimônia contou com a participação do Prefeito de Diadema, Lauro Michels; do deputado estadual delegado Dr. Antonio Assunção de Olim; do secretário de Defesa Social, Paulo Alexandre Fagundes; do comandante da GCM, inspetor José Cícero de Sousa; da chefe de Gabinete, Caroline Rocha; e do presidente da Conferência Nacional das Guardas e supervisor da GCM de São Bernardo do Campo, Oséias Francisco da Silva; além dos secretários municipais Laércio Soares (Desenvolvimento Econômico e Trabalho), José Dourado (Segurança Alimentar), José Carlos Gonçalves (Transportes) e Sérgio Luchini (Gestão de Pessoas).

A festa dos 20 anos recebeu representantes policiais e da sociedade civil como o Delegado Assistente da Seccional de Diadema, Dr. Ricardo Forti; o comandante do 24º Batalhão da Polícia Militar de Diadema, tenente coronel Marcelo David Vieira; a titular da Delegacia de Defesa da Mulher de Diadema, Dra. Renata Cruppi; o presidente da OAB de Diadema, Dr. Fernando Duque Rosa; e o Tenente PM Tonon, do Corpo de Bombeiros de Diadema. A comemoração também teve a participação de Guardas das cidades de São Paulo, Campinas, Cotia, Santo André, São Bernardo do Campo e Mauá.

A Guarda Civil de Diadema chega aos 20 anos com prestígio e responsabilidade. “Está fazendo um ano que entreguei a Defesa Social para ser conduzida por um GCM de carreira. Estou satisfeito e agradeço ao secretário Fagundes e ao comandante Cícero pelo empenho, exemplo e dedicação”, afirmou o prefeito Lauro Michels. “Vocês vestem a farda e vão à frente das operações perigosas a qualquer hora”, disse o prefeito.

O prefeito agradeceu ainda ao deputado estadual delegado Dr. Antonio Assunção de Olim que, por meio de emenda parlamentar, destinou R$ 400 mil à Guarda Civil de Diadema. O recurso é para investimento  em infraestrutura (R$ 100 mil) e aquisição de novas viaturas (R$ 300 mil).

O secretário Paulo Alexandre Fagundes aproveitou o evento para destacar a criação da Inspetoria da  Guarda Ambiental e os bons resultados da Operação Casa em Ordem. “Temos buscado incansavelmente parcerias e recursos para dar mais segurança e tranqüilidade à população. Com apoio da Polícia Militar e Polícia Civil, conseguimos reduzir drasticamente os pancadões”, explicou o secretário.

Já o comandante da GCM de Diadema, o inspetor José Cícero de Sousa, que é oriundo da primeira turma de guardas,  destacou no seu pronunciamento que a guarda municipal é uma das forças policiais que contribuíram para a redução dos  índices de violência da cidade. Durante o evento de comemoração, a Defesa Social realizou no saguão do Teatro Clara Nunes, uma exposição de fardas, equipamentos e fotografias com a história da GCM.

Operação Casa em Ordem

Para fazer cumprir a Lei Municipal 2.135, de 2002 que proíbe perturbar o sossego público com ruídos e sons excessivos de qualquer natureza, a Prefeitura de Diadema realiza nos finais de semana a Operação Casa em Ordem. Até 2016, a cidade chegou a registrar 34 desses pontos de pancadões. Atualmente, este número não passa de quatro. Nos últimos anos, 851 automóveis foram apreendidos por barulho acima do permitido.

A ação, realizada pela GCM, em parceria com a Polícia Militar e Polícia Civil, atende as reclamações da população relacionadas à emissão de sons e ruídos por automóveis. Agora, com a nova Guarda Ambiental, a operação de fiscalização foi reforçada e estendida à emissão de sons de outras naturezas, como caixas de som em comércios.

Cidade Segura - Para intensificar a sensação de segurança, principalmente junto aos próprios públicos como ginásio esportivos, escolas, praças e outros, a Secretaria de Defesa Social criou, recentemente, a Operação Cidade Segura. Já no primeiro trabalho, a ação resultou em 213 rondas, aplicação de 54 autos de infração, abordagem de 118 pessoas, vistoria de 16 motocicletas e de 13 veículos, sendo que uma caminhonete foi removida para o pátio por emissão de som alto. Além disso, a GCM auxiliou um pai a abrir a casa, pois um bebê de dois anos tinha ficado trancado por conta do vento que fechou o portão. E mais, em ação conjunta com a Polícia Civil, foi capturado um foragido.

Comente aqui