Data: 27/08/2019 09:10 / Autor: Marcos Luiz / Fonte: PMD

Educação Ambiental de Santo André visita Jardim Botânico de Diadema

Educadoras do Semasa fizeram uma visita técnica ao Jardim Botânico de Diadema para conhecer o local


Educação Ambiental de Santo André visita Jardim Botânico de Diadema
Educação Ambiental de Santo André visita Jardim Botânico de Diadema

Crédito: Marcos Luiz

Educadoras do Semasa, órgão que responde pela educação ambiental da Prefeitura de Santo André, fizeram ontem, 26/8, uma visita técnica ao Jardim Botânico de Diadema para conhecer o local. As informações coletadas vão servir para planejar e organizar futuras visitas de escolas e creches provenientes daquele município para conhecer o Borboletário, o Museu da Vida e as trilhas com espécies de Mata Atlântica.

As agentes ambientais Priscila Ciarallo, Kátia Mabson e Karoline Ferreira foram recebidas pela secretária de Meio Ambiente de Diadema, Tatiana Capel, e pelo coordenador do Programa Municipal de Educação Ambiental, Sandro Santana. “É muito importante trocar experiências com as demais cidades da região na área da Educação Ambiental. Isso causa um efeito multiplicador e inovador que beneficia diretamente a consciência em defesa do meio ambiente”, disse Tatiana.

Por ser referência e pioneiro na Região Metropolitana, tendo servido como modelo para os borboletários das cidades de Osasco e de Campos de Jordão e do Museu Catavento, o Borboletário de Diadema recebe frequentemente alunos de escolas municipais de Santo André e demais cidades da região. “É importante que a gente conheça esses espaços para que possamos ajudar a orientar e planejar melhor os futuros passeios ambientais das nossas crianças a este local”, explica Priscila Ciarallo. Ao final do encontro, as educadoras andreenses, convidaram a equipe de Educação Ambiental para fazer um tour de meio ambiente pelo município de Santo André. “É a maneira que temos de retribuir a gentileza que Diadema tem conosco”, disse Priscila.

Recentemente, o Borboletário de Diadema foi visitado também pela nova diretora da Escola de Ecologia da Prefeitura São Caetano do Sul, que estuda implantar futuramente um criadouro naquele município. Por meio de ações como palestras, distribuição de mudas e outros eventos, a equipe de educação ambiental da Prefeitura de Diadema chegou a envolver cerca de 27.000 pessoas, no ano passado. Nesse total, também estão os visitantes, principalmente de escolas públicas e particulares locais e de outras cidades, que estiveram no Borboletário e demais espaços do Jardim Botânico Municipal

Crédito: Thiago Benedett

Comente aqui