Data: 12/10/2019 10:34 / Autor: Beatriz Lucas / Fonte: PMD

Diadema apresenta Projeto Político Pedagógico das Medidas Socioeducativas

Principal objetivo é qualificar a equipe técnica para o atendimento proporcionando a padronização no atendimento socioassistencial


Crédito: Adriana Horvath

Nesta sexta-feira, 11/10, a Prefeitura de Diadema, por meio da Secretaria de Assistência Social e Cidadania (SASC), realizou o Seminário Tecendo Redes – Construção de Estratégias de Proteção à Juventude. O encontro reuniu profissionais da Saúde, Educação, Assistência Social, Esporte e Cultura na Rede de Atenção à Criança e ao Adolescente (RECAD).

O principal objetivo do evento foi a apresentação do Projeto Político Pedagógico (PPP) das Medidas Socioeducativas de Diadema, reunindo os serviços das secretarias para aprimoramento das ações em rede. O PPP proporciona a padronização no atendimento socioassistencial, garantindo a unificação de trabalho da equipe, além da criação de uma estratégia comum e qualificação do serviço.

Durante o seminário também foi apresentada a contextualização do Serviço de Medida Socioeducativa como o perfil dos adolescentes atendidos e período de cumprimento da medida, entre outros. Além disso, foi discutida a importância do Plano Individual de Atendimento, construído para cada adolescente prevendo ações conforme o Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo.

“Estamos trabalhando para possibilitar o maior número de capacitações e ferramentas. Elas são importantes para a formação profissional e para o fortalecimento das políticas públicas. O reconhecimento é algo muito importante também. Então, quero agradecer a dedicação e empenho de todos os profissionais da nossa rede na construção do PPP”, afirmou a secretária interina de Assistência Social e Cidadania, Caroline Rocha.

A elaboração do Projeto Político Pedagógico foi da equipe técnica da Secretaria de Assistência Social e Cidadania, que contratou a consultoria Núcleo Entretempos. Além de encontros quinzenais durante um ano, a empresa foi responsável pela supervisão do projeto.

“O Projeto Político Pedagógico irá ajudar na sistematização dos processos de trabalho da equipe e na visibilidade, no reconhecimento das medidas socioeducativas, na proteção e na garantia de direito dos adolescentes”, explicou a representante da Núcleo Entretempos, Carina Ferreira Guedes.

“Elaboramos um ecomapa com a relação do Serviço de Medida Socioeducativa e os demais serviços e equipamentos oferecidos pela prefeitura. A partir daí, e pensando nas necessidades dos adolescentes, estabelecemos quatro prioridades, às quais optamos por nos dedicar a partir de agora”, destacou a psicóloga do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) Centro, Flávia de Almeida Prado Cezári.

Duas das demandas são o trabalho com famílias e fortalecimentos do núcleo familiar e frequência, acompanhamento escolar e defasagem escolar dos adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa, entre outras.

Comente aqui