Data: 04/07/2022 10:07 / Autor: Redação / Fonte: Stock Car

Velopark entrega corridas insanas e vencedor inédito na Stock Car

Gaetano Di Mauro venceu pela primeira vez na Stock Car, enquanto Bruno Baptista faturou a Corrida 2 em domingo de fortes emoções no RS


Crédito: Duda Bairros / Stock Car

O fim de semana da rodada dupla no Autódromo Velopark foi concluído com um domingo (3) memorável na Stock Car Pro Series. O frio e a forte chuva que desabou desde o começo da manhã mexeram com o destino dos pilotos desde a classificação e entregou duas corridas verdadeiramente malucas e carregadas de emoção da largada à bandeirada. Dois dias após completar 25 anos, Gaetano Di Mauro, com Chevrolet Cruze da KTF Sports, triunfou pela primeira vez na Stock Car ao cruzar a linha de chegada na frente na Corrida 1, enquanto Bruno Baptista, com Toyota Corolla da RCM Motorsport, segurou a pressão do argentino Matías Rossi (Corolla da A.Mattheis/Vogel) — em ótima fase, com três pódios no Velopark — para conquistar sua terceira vitória na categoria.

Um dia depois de Gabriel Casagrande (Cruze da A.Mattheis/Vogel) abrir 18 pontos na liderança do campeonato, o jogo virou novamente em favor de Daniel Serra (Cruze da Eurofarma-RC). Enquanto o atual campeão sofreu um duro revés e abandonou as duas corridas do domingo, o tricampeão somou pontos importantes com o quarto lugar na Corrida 1 e o 11º na segunda prova da tarde. Desta forma, Serrinha encerrou a primeira metade da temporada como líder e soma agora 185 pontos, 12 a mais que Casagrande.

“É um sentimento bom por estar de volta à liderança. A corrida foi muito maluca, com momentos em que estávamos mal e outros em que estivemos bem e conseguimos voltar para a estratégia. Infelizmente, era para ter marcado mais pontos na Corrida 2, sofri um toque e caí de quarto para 13º. Salvamos pontos e voltamos à liderança”, declarou o líder do campeonato.

Comente aqui