Data: 19/05/2022 14:58 / Autor: Redação ABCdoABC / Fonte: Estadão Conteúdo

Ucrânia rejeita cessar-fogo temporário e pede por retirada de tropas russas

Segundo o assessor Podolyak, a Ucrânia não está interessada em um novo "Minsk"; entenda


Crédito: Bernadett Szabo

Assessor do Gabinete Presidencial da Ucrânia, Mykhailo Podolyak rejeitou a possibilidade de um cessar-fogo no conflito com a Rússia e disse que o movimento é "impossível" sem a completa retirada da tropas de Moscou do território ucraniano. "Não nos ofereça um cessar-fogo - isso é impossível sem a retirada total das tropas russas", afirmou.

Segundo o assessor, "a Ucrânia não está interessada em um novo 'Minsk' e na renovação da guerra em alguns anos", se referindo à assinatura do Protocolo de Minsk, em setembro de 2014, que foi seguida meses depois da eclosão de uma guerra civil em Donbass, no leste da Ucrânia.

"Até que a Rússia esteja pronta para libertar totalmente os territórios ocupados, nossa equipe de negociação é composta por armas, sanções e dinheiro", completou Podolyak.

Comente aqui