Data: 02/08/2021 08:17 / Autor: Redação / Fonte: CBV

TÓQUIO 2020: Evandro e Bruno Schmidt são superados por dupla da Letônia

Depois de três vitórias na fase de grupos, resultado negativo tirou time brasileiro da disputa


Evandro e Bruno Schmidt
Evandro e Bruno Schmidt

Crédito: Divulgação/FIVB

Após uma boa campanha na fase de grupos, a dupla Evandro e Bruno Schmidt chegou invicta nas oitavas de final, mas acabou superada na madrugada desta segunda-feira (02.08), no horário de Brasília. O resultado negativo de 2 sets a 0 (19/21 e 18/21) na fase eliminatória tirou os brasileiros da sequência nos Jogos Olímpicos de Tóquio.

Bruno Schmidt encerra a participação no principal evento esportivo do planeta com os sentimentos bem misturados. Triste pela eliminação precoce, o campeão olímpico no Rio de Janeiro, em 2016, não pode esquecer o drama que passou com a internação da COVID-19.

“É lógico que queria jogar mais. Esse é um torneio delicioso para ir até o final, com o mundo todo prestigiando, saio daqui com a sensação de querer mais, logico, mas quando eu olho para trás, eu vejo que fiz o meu máximo. Estou triste com o resultado, mas feliz de ter tido a oportunidade de estar aqui. Quatro meses atras eu não saberia se conseguiria”, disse Bruno.

O jogador complementou o desabafo. “Se cheguei aqui com condições de jogos, é porque eu fiz o máximo e tenho orgulho disso. Agradeço ao Evandro por ter tido bastante paciência, sabendo que talvez eu não chegaria aqui no meu melhor e ele não se importou com isso. Só pensou em jogar e crescer a cada jogo”.

Ainda sob emoção, Bruno Schmidt ainda analisou o jogo desta madrugada “A parte defensiva deles funcionou muito mais do que a nossa, nós erramos coisas bobas e isso fez o nosso time jogar sob pressão o tempo todo. Agimos como se cada bola fosse a última. Mérito deles. Estou triste porque queria estender esse torneio o máximo possível, mas Olimpíada tem isso. Depois da fase de grupos não tem margem para erros”, declarou Bruno.

Evandro também relembrou a situação delicada que a dupla passou com a internação do parceiro e garantiu que, embora hoje não tenha sido uma boa atuação, seu time deixou tudo em quadra.

“Estou triste, claro, mas um pouco feliz também. Se pararmos para perceber o que aconteceu com o nosso time há cinco meses, temos motivos para ficar feliz. Hoje não desenvolvemos nosso voleibol dentro de quadra e infelizmente acabamos eliminados. Queríamos andar no torneio, mas hoje nosso time deixou a desejar um pouco. Mas, fomos eliminados dando nosso máximo”, afirmou Evandro.

Na primeira fase, Evandro e Bruno venceram os três jogos sobre Grimalt E./Grimalt M., do Chile, Abicha/Elgraoui, do Marrocos, e Bryl/Fjalek, da Polônia.

A equipe brasileira também foi desfalcada da dupla formada por Ágatha e Duda, que foram eliminadas também nas oitavas de final, e segue na disputa com Ana Patrícia e Rebecca, já classificadas para as oitavas, e com Alison e Álvaro Filho, que entram em quadra nesta segunda-feira, às 9h, pelas oitavas.

TABELA - VÔLEI DE PRAIA

23.07 (SEXTA-FEIRA)

Alison/Álvaro Filho (ES/PB) 2 x 0 Azaad/Capogrosso (ARG) (21/16 e 21/17)

Ágatha/Duda (PR/SE) 2 x 0 Gallay/Pereyra (ARG) (21/19 e 21/11)

24.07 (SÁBADO)

Evandro/Bruno Schmidt (RJ/DF) 2 x 1 Grimalt E./Grimalt M. (CHI) (21/15, 16/21 e 15/12)

25.07 (DOMINGO)

Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) 2 x 0 Makokha/Khadambi (QUE) (21/15 e 21/09)

27.07 (TERÇA-FEIRA)

Alison/Álvaro Filho (ES/PB) 1 x 2 Lucena/Dalhausser (EUA) (22/24, 21/19 e 13/15)

Evandro/Bruno Schidt (RJ/DF) 2 x 0 Abicha/Elgraoui (MAR) (21/14 e 21/16)

Ágatha/Duda (PR/SE) 0 x 2 Wang/X. Y. Xia (CHN) (18/21 e 14/21)

Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) 1 x 2 Graudina/Kravcenoka (LET) (15/21, 21/12 e 12/15)

29.07 (QUINTA-FEIRA)

Ágatha/Duda (PR/SE) 2 x 0 Bansley/Brandie (CAN) (21/18 e 21/18)

Alison/Álvaro Filho (ES/PB) 2 x 0 Brouwer/Meeuwsen (HOL) (21/14 e 24/22)

30.07 (SEXTA-FEIRA)

Evandro/Bruno Schmidt (RJ/DF) 2 x 1 Bryl/Fjalek (POL) (21/19, 14/21 e 15/17)

Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) x Claes/Sponcil (EUA) (21/17, 19/21 e 11/15)

OITAVAS DE FINAL

31.07 (SÁBADO)

Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) 2 x 0 Wang/X. Y. Xia (CHN) (21/14 e 23/21)

01.08 (DOMINGO)

Ágatha/Duda (PR/SE) 1 x 2 Ludwig/Kozuch (ALE) (19/21, 21/19 e 14/16)

02.08 (SEGUNDA-FEIRA)

Evandro/Bruno Schmidt (RJ/DF) 0 x 2 Plavins/Tocs (LET) (19/21 e 18/21)

Alison/Álvaro Filho (ES/PB) x Gaxiola/Rubio (MEX) – às 9h

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro

Comente aqui