Data: 30/06/2022 20:54 / Autor: Redação / Fonte: Boxing For You

Top Rank aguarda segundo do ranking para pegar Esquiva Falcão pelo cinturão do mundo

Australiano Michael Zerafa e alemão Patrick Wojcicki podem ser os próximos adversários do brasileiro pelo título mundial dos médios da IBF


Esquiva Falcão
Esquiva Falcão

Crédito: Mario Palhares | B4Y & On Board Sports

A Top Rank, maior promotora de boxe do mundo, deve confirmar nos próximos dias qual será o provável adversário do brasileiro Esquiva Falcão pelo cinturão mundial dos médios da IBF - Federação Internacional de Boxe. O medalhista olímpico é o atual número 1 da categoria até 72,5 kg e tem por direito a chance de disputar o título. 

Invicto com 30 vitórias em 30 lutas, Esquiva Falcão retificou sua posição no topo da tabela no Boxing For You 11 realizado em 29 de maio, em São Paulo (SP), contra o argentino Cristian Fabian Ríos, por decisão unânime. 

O nome do oponente ainda não foi definido por duas questões importantes. A primeira é que o atual campeão GGG - Gennadiy Gennadyevich Golovkin (Cazaquistão), que seria o adversário obrigatório, deverá deixar o cinturão vago, pois encara o mexicano Saul Canelo Alvarez, em setembro, em outra categoria.

Com isso, o cinturão dos médios da IBF ficaria livre e a disputa pelo título seria entre o primeiro e o segundo do ranking. Mas outro detalhe deve ser levado em conta: o australiano Michael Zerafa (30-4-0), segundo do ranking da IBF, e o alemão Patrick Wojcicki (15-0-1), terceiro, estão trabalhando nos bastidores para ter essa prioridade. 

''Pode vir qualquer um dos dois e a luta pode ser onde for, no Brasil, na Austrália ou na Alemanha. Um campeão não escolhe adversário! Eu queria pegar o Triplo G, mas ele está em outra agora. Só espero que seja o mais rápido possível'', disse Esquiva Falcão.

Representante da Top Rank no Brasil e CEO do Boxing For You, Sergio Batarelli garante que a luta pelo cinturão do mundo dos médios será realizada com Esquiva Falcão no ringue ainda em 2022.  O manager paulista foi o responsável por agenciar a carreira do brasileiro desde que saiu do boxe olímpico após a medalha de prata em Londres 2012.

''Como o GGG já deixou claro que não volta à categoria dos médios, as atenções ficam voltadas ao novo duelo que definirá seu campeão. Esquiva já está garantido, sem discussão, e existe uma disputa entre o australiano e o alemão, esse último alega ter a prioridade por ter se machucado. A decisão está prestes a sair!'', contou Sergio Batarelli.

No ano passado, Esquiva Falcão era para ter enfrentado o polonês naturalizado alemão Patrick Wojcicki, mas o europeu se machucou. Com isso, a Top Rank colocou o canadense Patrice Volny para encarar o brasileiro. A luta de novembro de 2021 teve vitória do capixaba por decisão dividida.

Comente aqui