Data: 21/08/2019 14:43 / Autor: Redação / Fonte: CBV

SuperPraia: Campeões da edição 2018 buscam bicampeonato em Brasília com novos times

André Stein defenderá o título ao lado do paraibano George, enquanto Carolina Horta e Taiana vão buscar o ouro com novas formações


Carolina Horta (frente) e a parceira Ângela foram medalhistas no Pan
Carolina Horta (frente) e a parceira Ângela foram medalhistas no Pan

Crédito: Alexandre Loureiro/COB

A capital federal será palco da etapa SuperPraia do Circuito Brasileiro de vôlei de praia pelo segundo ano seguido, reunindo os melhores times da temporada nesta semana, de quinta-feira (22.08) a domingo (25.08). E os vencedores da edição de 2018 estão de olho na defesa do título, mas, desta vez, com suas novas formações. São os casos de André Stein (ES), no masculino, e Taiana (CE) e Carolina Horta (CE) no feminino, que buscam o bicampeonato.

Os jogos contam com entrada franca na arena montada no Parque da Cidade. As partidas também terão transmissão ao vivo pelo site voleidepraiatv.cbv.com.br e pelo Facebook da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV), e das finais exclusivamente pelos canais SporTV.

O campeão mundial André Stein conquistou o título de 2018 do SuperPraia jogando ao lado de Evandro (RJ), mas desde março deste ano, atua junto do paraibano George, campeão mundial sub-19 e sub-21. André comentou o clima especial da competição, reunindo menos duplas do que uma etapa tradicional, apenas com as mais bem ranqueadas.

“Tenho boas memórias de Brasília e do SuperPraia, é um torneio muito especial, reunindo as melhores equipes da temporada. Sabemos da importância, um título que marca muito, é um objetivo nosso conquistar esse torneio. Estamos em um ritmo intenso de etapas do Circuito Mundial, chegamos com rodagem e esperamos realizar uma boa apresentação, manter esse crescimento do nosso time. Espero alcançar esse título novamente”, disse.

Evandro, parceiro de André no título de 2018, não estará em Brasília para defender a coroa. O bloqueador atualmente forma time com o campeão olímpico Bruno Schmidt, que precisou ser poupado da disputa por conta de uma recuperação muscular na coxa. O defensor sofreu a contusão durante o Circuito Mundial e necessita de descanso para se recuperar.

No naipe feminino, as campeãs em 2018 foram Carolina Horta e Taiana (CE). Após o torneio, seguiram caminhos diferentes, com Carol se juntando a Ângela, com quem conquistou a medalha de bronze nos Jogos Pan-Americanos de Lima, no mês passado. Carolina comentou a expectativa de atuar em Brasília, cidade da atual parceira.

“Sempre fico muito animada para jogar o SuperPraia, um torneio que fecha a temporada, com quem mais se destacou, muito público. Tem um gosto especial de vencer. Felizmente fui campeã na edição passada. Já em 2017 fiquei com o vice-campeonato ao lado da Maria Elisa, gosto muito deste torneio”, disse Carol, que completou.

“Adoro jogar em Brasília, tenho família aqui, tios e primos que sempre vão assistir de perto. É uma cidade que consegui bons resultados na carreira. E neste ano será mais especial, pois é a terra da Ângela. Os familiares dela estarão vibrando e nos passando muita energia. Espero que possamos fazer uma boa competição, jogar bem, chegar nas semifinais e lutar por um lugar no pódio. Queremos manter esse crescimento que vem desde antes do Pan”.

Taiana, por sua vez, pode repetir o título conquistado em 2014, na primeira edição do SuperPraia. Ela e Talita venceram a edição de abertura, em Salvador (BA). Após jogarem com outras parceiras, elas se reencontraram no final de 2018 e vão buscar repetir a conquista.

Enquanto uma etapa normal do Circuito Brasileiro possui 24 duplas na fase de grupos, o SuperPraia conta apenas com os 16 melhores times do ranking nacional, em formato reduzido que aumenta ainda mais o alto nível dos duelos. São considerados para o ranking de entradas os seis melhores resultados dos atletas nas sete etapas realizadas no Circuito Brasileiro 18/19. Os atletas que disputaram menos de sete etapas somam todas as participações.

Outra diferença em relação às etapas do Circuito Brasileiro Open está na ausência de classificatório. No tour, oito vagas ficam ‘abertas’ para a disputa de duplas que não estão ranqueadas entre as melhores. Já no SuperPraia não existe classificatório e os jogos começam direto no torneio principal, com a fase de grupos.

Os times inscritos no naipe masculino são Alison/Álvaro Filho (ES/PB), Ricardo/Vitor Felipe (BA/PB), Saymon/Arthur Lanci (MS/PR), André Stein/George (ES/PB), Hevaldo/Vinícius (CE/ES), Oscar/Moisés (RJ/BA), Fernandão/Ramon Gomes (ES/RJ), Matheus Maia/Eduardo Davi (RJ/PR), Jô/Léo Vieira (PB/DF), Luciano/Harley (ES/DF), Averaldo/Bruno (TO/AM), Marcus/Thiago (RJ/SC), Arthur Mariano/Adrielson (MS/PR), Anderson Melo/Jefferson (RJ/CE), Bernardo Lima/Luccas Lima (CE/SP) e Rafael/Renato (PB).

No naipe feminino, estão inscritas as duplas Fernanda Berti/Bárbara Seixas (RJ), Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE), Talita/Taiana (AL/CE), Victoria/Tainá (MS/SE), Juliana/Josi (CE/SC), Carolina Horta/Ângela (CE/DF), Andressa/Diana (PB/RJ), Vivian/Vitoria (PA/RJ), Val/Neide (RJ/AL), Izabel/Thati (PA/PB), Rafaela/Jéssica (PA), Aline/Juliana Simões (SC/PR), Érica Freitas/Solange (MG/DF), Teresa/Thais (CE/RJ), Rosimeire/Naiana (AL/CE) e Fabrine/Pity (BA).

O SuperPraia foi realizado pela primeira vez em 2014 e será disputado pela segunda vez em Brasília (DF). A competição distribui R$ 50 mil às duplas campeãs dos dois naipes, e todos os times na fase de grupos são premiados. O evento também terá a premiação dos melhores da temporada, com os escolhidos nos fundamentos saque, recepção, levantamento, ataque, bloqueio, defesa, revelação, atleta que mais evoluiu e melhor jogador.

HORÁRIOS DOS JOGOS:

Quinta, 9h às 20h;

Sexta, 8h30 às 20h30;

Sábado, 8h às 13h e 16h30 às 21h;

Domingo, 10h às 12h;

TODOS OS CAMPEÕES DO SUPERPRAIA:

2014 - Salvador - Talita/Taiana (AL/CE) e Alison/Bruno Schmidt (ES/DF)

2015 - Maceió - Ágatha/Bárbara Seixas (PR/RJ) e Alison/Bruno Schmidt (ES/DF)

2016 - João Pessoa - Ágatha/Bárbara Seixas (PR/RJ) e Alison/Bruno Schmidt (ES/DF)

2017 - Niterói - Ágatha/Duda (PR/SE) e Alison/Bruno Schmidt (ES/DF)

2018 - Brasília - Carolina Horta/Taiana (CE) e Evandro/André Stein (RJ/ES)

André Stein defenderá o título do SuperPraia ao lado de George
André Stein defenderá o título do SuperPraia ao lado de George

Crédito: Wander Roberto/Inovafoto/CBV

Comente aqui