Data: 24/02/2020 09:05 / Autor: Redação / Fonte: CBV

Superliga Banco do Brasil 19/20: Vôlei UM Itapetininga supera Pacaembu/Ribeirão Preto

Em casa, equipe do técnico Pedro Uehara contou com boa atuação do central Johan, eleito o melhor da partida, e venceu por 3 sets a 1


Pacaembu/Ribeirão Preto 1 x 3 Vôlei UM Itapetininga
Pacaembu/Ribeirão Preto 1 x 3 Vôlei UM Itapetininga

Crédito: Rubens Okamoto/Pacaembu Vôlei Ribeirão

No encerramento da sétima rodada do returno da Superliga Banco do Brasil masculina de vôlei 2019/2020, o Vôlei UM Itapetininga (SP) superou o Pacaembu/Ribeirão Preto (SP) no sábado (22.02) por 3 sets a 1, de virada. A equipe comandada pelo técnico Pedro Uehara jogou em casa, no ginásio Cava do Bosque, em Ribeirão Preto (SP), e venceu com parciais de 24/26, 25/20, 25/19 e 25/21.

O central Johan, da equipe vencedora, recebeu o maior número de votos no site da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) e, por isso, foi premiado o melhor da partida, recebendo o Troféu VivaVôlei.

“Estou mito feliz por essa vitória. Precisávamos ganhar. Jogamos um primeiro set abaixo, com alguns vacilos, mas conseguimos sair dessa adversidade e, a partir daí, conseguimos dominar o jogo. Isso foi muito importante, A equipe inteira está de parabéns”, disse Johan.

Já o oposto Gabriel Cândido, apesar do resultado negativo do seu time, foi quem mais pontuou, com 15 acertos. Após a partida, o técnico do Pacaembu/Ribeirão Preto, Marcos Pacheco, lamentou o resultado negativo e comentou sobre o andamento da partida.

“Começamos um jogo equilibrado, imprimindo um bom ritmo contra Itapetininga, conseguimos criar situações e ser efetivos. A partir do segundo set sofremos em um fundamento que é muito importante, que é a recepção. Tivemos bons momentos de saque, o bloqueio funcionou, a defesa funcionou, mas na hora de concluir o ponto não conseguimos, infelizmente”, disse Pacheco.

Nos demais jogos da rodada, todos realizados na noite de quinta-feira (20.02), o Fiat/Minas (MG) superou o Sesi-SP; o América Vôlei (MG) derrotou a Apan Blumenau (SC); o Ponta Grossa Vôlei (PR) levou a melhor sobre o Denk Academy Maringá Vôlei (PR); o EMS Taubaté Funvic (SP) superou o Vôlei Renata (SP), e o Sada Cruzeiro (MG) derrotou o Sesc RJ.

SUPERLIGA MASCULINA 2019/2020

Sétima rodada do returno

20.02 (QUINTA-FEIRA) – Sesi-SP 0 x 3 Fiat/Minas (MG), na Vila Leopoldina, São Paulo (SP) – GLOBOESPORTE.COM (15/25, 22/25, 20/25)

20.02 (QUINTA-FEIRA) – Apan Blumenau (SC) 2 x 3 América Vôlei (MG), no ginásio no Sebastião Cruz (Galegão), Blumenau (SC) – CANAL VÔLEI BRASIL (25/17, 22/25, 25/16, 25/27, 14/16)

20.02 (QUINTA-FEIRA) – Ponta Grossa Vôlei (PR) 3 x 2 Denk Academy Maringá Vôlei (PR), na Arena Multiuso, em Ponta Grossa (PR) – CANAL VÔLEI BRASIL (25/20, 19/25, 25/23, 29/31, 15/11)

20.02 (QUINTA-FEIRA) – EMS Taubaté Funvic (SP) 3 x 1 Vôlei Renata (SP), no Abaeté, em Taubaté (SP) - CANAL VÔLEI BRASIL (25/15, 23/25, 25/20, 25/17)

20.02 (QUINTA-FEIRA) – Sesc RJ 1 x 3 Sada Cruzeiro (MG), às 20h, no ginásio Tijuca Tênis Clube, no Rio de Janeiro (RJ) – GLOBOESPORTE.COM (23/25, 22/25, 25/22, 19/25)

22.02 (SÁBADO) – Pacaembu/Ribeirão Preto (SP) 1 x 3 Vôlei UM Itapetininga (SP), às 20h30, na Cava do Bosque, em Ribeirão Preto (SP) – SPORTV2 (26/24, 20/25, 19/25 e 21/25)

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro

Pacaembu/Ribeirão Preto 1 x 3 Vôlei UM Itapetininga
Pacaembu/Ribeirão Preto 1 x 3 Vôlei UM Itapetininga

Crédito: Rubens Okamoto/Pacaembu Vôlei Ribeirão

Comente aqui