Data: 08/07/2016 10:19 / Autor: Redação

Policiais morrem em Dallas durante manifestação contra a violência

Pelo menos cinco policiais foram mortos ontem (7) à noite, nas ruas da cidade de Dallas, nos Estados Unidos em manifestação que protestava contra a ação da polícia


Esquina da Ross Avenue com a Griffin Street na cidade de Dallas, nos Estados Unidos, onde 11 policiais foram baleados (cinco morreram) durante uma manifestação, que ocorria pacificamente, contra a morte de dois norte-americanos negros baleados por policiais brancos
Esquina da Ross Avenue com a Griffin Street na cidade de Dallas, nos Estados Unidos, onde 11 policiais foram baleados (cinco morreram) durante uma manifestação, que ocorria pacificamente, contra a morte de dois norte-americanos negros baleados por policiais brancos

Crédito: Ralph Lauer/Agência Lusa

Mais 11 policiais foram baleados. Segundo relatos de testemunhas, a manifestação estava sendo feita de forma pacífica e visava a protestar contra a ação da polícia que, anteriormente, nos estados de Minnesota e Louisiana, atirou e matou duas pessoas de cor negra. Segundo testemunhas, os suspeitos aparentemente  não faziam parte da manifestação de Dallas e atiraram intencionalmente nos policiais que acompanhavam os protestos.

Três pessoas foram presas e um quarto suspeito estava sendo procurado na madrugada de hoje (8), depois de trocar tiros com policiais.

O chefe de polícia de Dallas, David Brown, descreveu a ação dos atiradores como de "estilo emboscada". Em entrevista, no fim da noite, David Brown disse: "Acreditamos que esses suspeitos foram se colocando de forma triangular sobre policiais de duas posições diferentes em garagens no centro da cidade". De acordo com o chefe da polícia, os atiradores "estavam planejando ferir e matar tantos policiais quanto pudessem". Alguns agentes foram feridos nas costas.

Comente aqui