Data: 10/06/2021 14:45 / Autor: Redação / Fonte: Cerveja Crystal

Namorados em Clima Junino: Cerveja Crystal apresenta trilha de sexta com Banda Rastapé

Em clima junino e romântico, edição do dia 11 também recebe o cantor Marquinhos DBS, revelação do quadro Produtor Cultural


Crédito: Divulgação

O mês de junho chegou e com ele duas datas para se comemorar, mesmo em casa: Dia dos Namorados e Arraiá. É neste clima que a próxima atração do Trilha de Sexta, evento patrocinado pela cerveja Crystal, recebe a banda de forró universitário Rastapé. Sob o comando da apresentadora Jacky Petkovic, o palco online do Trilha de Sexta será transmitido pelo canal R7 e YouTube, nesta sexta-feira, 11 de junho, a partir das 19h. Pode abrir aquela Crystal gelada, arrastar o sofá e chamar o parceiro pra dançar!

Com um repertório formado por clássicos do forró de Luiz Gonzaga, Trio Nordestino, Jackson do Pandeiro, entre outros, em 1999 foi criada a banda Rastapé, com apresentações em festas e eventos em todo o Brasil. Nesta época também surgiram as primeiras composições próprias que colaboravam para criar uma identificação com o público. O grupo, que tem mais de 20 milhões de visualizações no YouTube e mais de 70 mil curtidas no Facebook, fez diversos shows pelo Brasil e exterior, incluindo uma série de shows na China, em 2017.

Talento revelado no quadro Produtor Crystal, que dá aquela força para quem quer seu espaço na música, a outra participação da sexta será com o cantor, compositor e multi-instrumentista, Marquinhos DBS, que começou sua carreira na música gospel, cantando em igrejas dos 14 aos 22 anos. Por oito anos foi assistente de produção de grandes estrelas da música sertaneja, como Gusttavo Lima, Marília Mendonça e Maiara e Maraísa. “Minha trajetória é essa: eu sou um produtor que virou cantor. Comecei a minha carreira como roadie, fui seguindo passo a passo e descobri que conseguia compor. Acabou acontecendo”, diz. Em novembro de 2020, Marquinhos decidiu apostar na sua carreira autoral e lançou seu mais recente single, “Sonhos”, e pretende lançar, ainda em 2021, um EP com oito composições autorais inéditas.

“É mais uma forma de aproximar os novos talentos do público e fazer com que todo o Brasil possa conhecê-los, independente de onde vivem. São muitos os estilos e jeitos musicais que precisam ser aplaudidos”, diz Eliana Cassandre.

Comente aqui