Data: 19/01/2021 19:26 / Autor: Gabriel Plasa / Fonte: ABCdoABC

Com um a mais, América-MG empata com Brasil de Pelotas e pode perder a liderança

Coelho cria pouco, reclama de pênalti e agora torce contra a Chapecoense para não perder a liderança


Crédito: Estevão Germano / América-MG

Brasil de Pelotas e América-MG entraram em campo nesta terça-feira e empataram em 0 a 0. O resultado é ruim para o Coelho que ainda busca o título, mas não muda nada para o Brasil de Pelotas que não tem mais chances de acesso e nem de rebaixamento.

Com muita marcação e sem criação nenhuma, o primeiro tempo foi fraco e sonolento. O que moveu a primeira etapa foram as polêmicas. Aos 23 minutos, Dellatorre invadiu a área e foi derrubado por Anderson Jesus, zagueiro do América. Rapidamente o árbitro assinalou impedimento, mas foi corrigido pelo assistente e a falta foi marcada fora da área, gerando muita reclamação por parte dos donos da casa. Outro lance polêmico aconteceu desta vez a favor do América-MG. Após cobrança de falta na área, Messias se enrolou com o zagueiro do Brasil de Pelotas e ficou reclamando de pênalti, também não assinalado e muito contestado pelos atletas do Coelho.

No segundo tempo tivemos mais polêmicas de arbitragem. Bruno Santos, que já tinha recebido cartão amarelo, deu um pisão em Ademir, recebeu a segunda advertência e foi expulso, deixando o Brasil de Pelotas com um a menos para o resto da partida. Com um a mais, Lisca colocou o time para frente, mas não surtiu efeito. Antes do fim da partida, outro lance dentro da área que gerou reclamação pelo lado do América-MG. Após cruzamento na área, a bola ia sobrar para Lohan que foi agarrado, mas, mais uma vez, nada foi assinalado e a partida terminou com o empate em 0 a 0.

O América-MG é líder com 69 pontos, porém, pode ser ultrapassado pela Chapecoense que joga na quinta-feira. O Brasil de Pelotas é o 11º colocado e pode cair para a 13ª posição ao fim da rodada.

Comente aqui